facebook

Livro "Cine Central: entre imagens e amores" é lançado em Irati

03/05/2022

Livro "Cine Central: entre imagens e amores" é lançado em Irati

O livro histórico "Cine Central: entre imagens e amores" foi lançado em Irati no último dia 22. Escrito por Pedro Henrique Wasilewski Almeida –  bisneto de João Wasilewski, que foi o idealizador e proprietário do Cine Theatro Central – o livro foi apresentado ao público no Centro Cultural Clube do Comércio.

O Cine Central  foi o segundo cinema a abrir as portas no Estado do Paraná, em 1920, e marcou época em Irati como um dos mais importantes espaços de cultura e lazer da população. O espaço esteve em funcionamento ao longo de 62 anos.

“Investiguei e passeei pelo labirinto histórico das lembranças dos entrevistados e colaboradores desta pesquisa, voltando ao passado, no qual, segundo eles, todos se conheciam, as casas amanheciam sem cadeados e o tempo parecia passar mais lento, pois estavam encantados com o cinema e o que ele proporcionava - que era algo além do que só sessões cinematográficas: era o ponto de encontro da cidade," afirma o autor, que é jornalista, historiador, escritor e produtor cinematográfico.

O livro é resultado de um trabalho de pesquisa feito por Pedro Henrique como parte do seu mestrado em História. Na pesquisa, ele mostra o cinema como ponto de encontro social em Irati, pois era um local que, além das exibições de filmes, recebia peças de teatro, eventos musicais e uma variada gama de artistas na cidade.

O presidente da Academia de Letras, Artes e Ciências do Centro Sul (ALACS), Herculano Batista Neto, ressaltou que o primeiro cinema iratiense nunca será esquecido. “Não se esquece hoje, é uma lembrança presente, e vai ser porque nós estaremos herdando estas lembranças para os nossos descendentes, assim como a maioria das famílias já o fizeram. O cinema é uma entidade cultural, um centro cultural de época presente. É claro que, em um livro, ele se eterniza”, frisou.

Herculano destacou o empreendedorismo de João Wasilewski, relatado também por Pedro Henrique em sua obra. “Ele, João Wasilewski, foi um empreendedor, sonhou e fez, com recursos e com as coisas dele, e isto não tem jeito de tirar”, comentou.

O evento de lançamento do livro foi promovido pela Academia de Letras, Artes e Ciências do Centro-Sul do Paraná (ALACS), em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo da Prefeitura de Irati, o Centro Cultural Clube do Comércio e a produtora cinematográfica Cine Central Filmes. Contou também com apoio do núcleo de Irati da Representação Central da Comunidade Brasileiro-Polonesa do Brasil (Braspol), do Programa de Pós-Graduação em História e Regiões (PPGH) da Unicentro, do Cine Clube Denise Stoklos e da Associação Cultural Denise Stoklos.

Texto: Da Redação/Hoje Centro Sul, com informações Najuá e Assessoria PMI

Foto: Sidnei Jorge/Najuá

Comentários

Edição 1402 - Já nas bancas!
  • Direitos Autorais

    Textos, fotos, artes e vídeos do Jornal Hoje Centro Sul estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. É expressamente proibido a reprodução do conteúdo do jornal (eletrônico ou impresso) em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização expressa do Jornal Hoje Centro Sul.

  • Endereço e Contato

    Rua Nossa Senhora de Fátima, no 661
    Centro, Irati, PR - CEP 84500-000

    Tel: (42) 3422-2461

  • Pauta: jornalismohojecentrosul@gmail.com

    Expediente: de segunda à sexta das 8h às 17h

JORNAL HOJE CENTRO SUL - © 2020 Todos os Direitos Reservados
Jornalista Responsável: Letícia Torres / MTB 4580