facebook

Moradores comemoram anúncio de pavimentação em ruas dos bairros Rio Bonito, Stroparo e Riozinho

01/07/2024

Moradores comemoram anúncio de pavimentação em ruas dos bairros Rio Bonito, Stroparo e Riozinho

Algumas ruas dos bairros Rio Bonito e Stroparo em Irati vão receber melhorias significativas na pavimentação e infraestrutura já existente. Já os investimentos no bairro Riozinho serão na implantação completa do asfalto, incluindo drenagem e calçadas acessíveis. Moradores comemoram as obras e dão sugestões para que outras intervenções que acreditam serem necessárias

Tiveram início em Irati dois projetos de pavimentação, com investimentos de mais de R$ 11 milhões no total para melhorar a infraestrutura de três bairros: Rio Bonito, Stroparo e Riozinho. As obras, que incluem recapeamento asfáltico, construção de calçadas e sinalização, nos bairros Stroparo e Rio Bonito devem melhorar significativamente essas áreas, trazendo mais segurança e acessibilidade para os moradores. Já no bairro Riozinho, a obra prevê a pavimentação de cerca de 8,4km em ruas que ainda não têm asfalto.

Impacto nos bairros beneficiados

Na semana passada, no dia 19, a Prefeitura de Irati assinou duas ordens de serviço para iniciar as obras. O investimento de R$ 9,2 milhões será direcionado para o recapeamento asfáltico e construção de calçadas nos bairros Rio Bonito e Stroparo. Já o bairro Riozinho, que receberá a pavimentação de 8,4 km de ruas ainda não asfaltadas, contará com um investimento de cerca de R$ 2,4 milhões.

Jussara Kuc, moradora da Rua Ubirajara de Campos, no bairro Rio Bonito, comemora a chegada da nova pavimentação. Ela também sugere outras melhorias que poderiam ser implementadas para melhorar a acessibilidade e segurança. “Aqui estava precisando bastante do asfalto, porque sempre eram feitos remendos, mas vinha a chuva e levava tudo de novo embora. Essas melhorias vão trazer também mais segurança, principalmente para os pedestres. Mas é preciso também rever essas muretas que alguns moradores fazem no meio da calçada, que prejudicam a passagem”, destaca.

Por sua vez, Mauro Cesar da Silva Andrade tem um comércio há 4 anos na rua José Chamy, também no bairro Rio Bonito. Ele ressalta a importância da recuperação da pavimentação para a economia. “Esses tempos, tinham muitos buracos e eles fizeram um recape, mas agora já está muito feio de novo. Eu acho que vai trazer muita melhoria, porque a gente vê que o pessoal tem desviado essa rua. Com um asfalto novo, o pessoal já chega mais aqui, e já fica bem melhor para nós e para os moradores”, comenta.

No entanto, com a pavimentação em bom estado, Mauro observa que os motoristas costumam abusar da velocidade, algo que, segundo ele, é constante na rua que faz esquina com a José Chamy. Ele acredita que, além das melhorias na pavimentação, a instalação de redutores de velocidade é essencial para garantir a segurança de todos. “Eu acredito que vai melhorar bastante a segurança, porque vemos que alguns carros freiam e não segura direito por causa das pedrinhas, derrapam. Trocando esse asfalto, vai ficar bem bom. Mas uma melhoria que a gente reivindica também é a questão de lombadas, principalmente na Caetano Zarpellon. Faz tempo já que fizemos abaixo-assinado pedindo, porque ali como o asfalto está bom, os motoristas têm passado muito rápido”, comenta.

Bairro Stroparo

Residente do bairro Stroparo, Ednilson José Menon também vê as obras como uma solução para os buracos que dificultam a passagem e ameaçam a segurança dos pedestres no local. Ele destaca que muitas ruas do entorno necessitam de recapeamento asfáltico urgente. “O bairro aqui é muito bom de morar, o problema são as ruas. Antigamente estava ruim de passar ali pela rotatória, a gente fazia um caminho maior para não passar por lá, mas agora ali foi arrumado. Mas aqui, as outras ruas e a nossa, estão com muitos buracos. Sempre é feito um remendo, e já faz tempo que não fazem, mas não dura muito”, critica.

Ele destaca que os pedestres também enfrentam problemas devido aos buracos do asfalto e a falta de acessibilidade das calçadas. “Conforme o tempo, se estiver chuvoso, quando passam pedestres, eu já cheguei a ver a pessoa esperando para passar e passou um carro e jogou água na pessoa. Eu mesmo fiz uma calçada larga, com rampa para facilitar para os cadeirantes, mas tem muita calçada aqui que precisa ser arrumada, melhorada a acessibilidade, porque os moradores não têm como fazer isso. A gente vê que quando passa o cadeirante por aqui, é pela rua, porque na calçada não tem segurança”, observa Ednilson que mora na rua Senhoria Lopes, que também tem previsão de receber melhorias em alguns trechos.

Desafios nas ruas sem pavimentação

Enquanto os moradores das ruas contempladas com melhorias comemoram o anúncio das obras, aqueles que residem em ruas que não fazem parte dos projetos continuam na expectativa de futuramente serem atendidos.

Este é o caso de Reginaldo Bendoski, morador de uma rua ainda sem nome, paralela à Engenheira Marcia Luiza Cenci, no bairro Stroparo.

Segundo ele, as dificuldades enfrentadas pelos moradores de vias sem pavimentação são numerosas e desafiadoras.  A falta de pavimentação na rua não apenas dificulta a mobilidade, mas também compromete a segurança. “Buracos, valetas, pedras que soltam. São várias questões assim que influenciam. Já aconteceu de criança cair dentro de valeta e se machucar, então não tem como deixar eles brincando na rua, andar de bicicleta, por causa das pedras soltas. É bem complicado”, descreve Reginaldo.

A secretária municipal de Arquitetura, Engenharia e Urbanismo, Jéssica Custódio, explica que as limitações orçamentárias impedem a pavimentação de todas as ruas que precisam de melhorias simultaneamente e diz que o município busca constantemente recursos para melhorar a infraestrutura. Sobre as obras no bairro Stroparo ela destaca: “Importante salientar que o contrato é de recape. Não para implantação. Realmente o recurso é limitado, então nem todas as ruas puderam ser contempladas”.

Bem próximo da residência de Reginaldo, a rua Pedro Waydizik, que também não conta com nenhum tipo de pavimento, tem previsão de receber asfalto em breve, de acordo com a secretária. “Esta rua está em um outro lote para pavimentação, a rua Pedro Waydizik será contemplada no próximo lote. As demais, a gestão está atrás de recursos”, explica Jéssica.

Impactos sociais e econômicos

Para além das melhorias na infraestrutura, as obras de pavimentação têm impactos sociais e econômicos significativos. Carlos Gonzaga, professor de Administração Pública e Gestão Ambiental da Unicentro de Irati, destaca que o investimento em pavimentação, embora limitado, é essencial para o desenvolvimento urbano. “A pavimentação no município está mesmo necessitando de atenção. Um plano de recapeamento é positivo para todos, mesmo que seja limitado. O orçamento público é limitado, então o desafio da gestão pública é decidir quem recebe o quê, quando e onde. É importante que este tipo de decisão seja balizada por discussão do Conselho de Desenvolvimento Municipal”, descreve.

Ele também enfatiza a necessidade de critérios coerentes para a definição das áreas prioritárias, alinhados com o plano diretor e as estratégias de desenvolvimento socioeconômico sustentável do município. “No entanto, de uma perspectiva mais geral, considero relevante que o município faça esse investimento em pavimentação, porque isso ficou negligenciado por muito tempo. Uma questão importante a considerar é sobre os critérios para definir quais são as áreas prioritárias. Saber se isso tem coerência com o plano diretor e com as estratégias de desenvolvimento socioeconômico sustentável do município”, cita o professor.

Expectativas para o futuro

De acordo com a prefeitura de Irati, as ruas dos bairros Rio Bonito e Stroparo passarão por uma ‘verdadeira transformação’ nos próximos meses. Além do recape asfáltico, serão construídas novas calçadas com acessibilidade para cadeirantes e guia para pessoas com deficiência visual, além da sinalização, pintura de eixos, faixa de pedestre e meio-fio.

 “Esse projeto é resultado do empenho e dedicação da nossa equipe, que trabalhou para planejar e viabilizar os projetos. Estamos muito felizes que o que acontece dentro da nossa sala pequena lá na Prefeitura, hoje se estende para os dois maiores bairros do Município e para o Riozinho. É muito gratificante ver esses projetos se concretizando”, comenta a secretária de Arquitetura, Engenharia e Urbanismo, Jéssica Custódio.

A vice-prefeita de Irati, Ieda Waydzik reconhece que os moradores dos bairros que serão beneficiados com as melhorias esperavam por isso há bastante tempo. “São obras que estavam sendo cobradas pela população e hoje é um dia que merece ser comemorado porque não é sempre que anunciamos o início de obras dessa magnitude. São momentos assim que fazem valer a pena estar na vida pública, pois enchem nosso coração de satisfação, orgulho e alegria e promovem o desenvolvimento e o progresso do nosso município”, enfatiza Ieda.

 

Melhorias no bairro Riozinho

De acordo com a prefeitura municipal de Irati, diferentemente dos outros bairros em que será feita a manutenção com recape asfáltico, no Riozinho será feita a implantação da pavimentação, o que envolve a drenagem, a execução das bases e sub-bases do asfalto e a construção das calçadas para a acessibilidade em respeito às normas, também com sinalização, pintura de eixos, faixa de pedestre e meio-fio. O investimento será de cerca de R$2,4 milhões.

Morador do bairro Riozinho, o prefeito Jorge Derbli explica que os trabalhos no bairro já iniciaram. “Tivemos um cronograma de obras de pavimentação intenso nesses últimos oito anos. Mas eu tenho um propósito de deixar bonito esse Riozinho, bairro que moro há mais de 40 anos, então precisava fazer essa obra. Demorou, muita gente não acreditou, mas já iniciamos os serviços de drenagem. Vai ter transtorno em algumas ruas, mas depois vem a melhoria”, finaliza Derbli.

Ruas contempladas

Confira a lista das ruas que vão receber recape e melhorias na infraestrutura, de acordo com a prefeitura de Irati:

Bairro Stroparo

- Rua Abdala Jabra Pedro

- Rua Senhorinha Lopes

- Rua Irmã Helena Olek

- Rua José Thomas

- Rua Irineu de Padua

- Rua Santos Baggio

- Rua Desembargador Joaquim F. Guimarães

Bairro Rio Bonito

- Rua Caetano Zarpellon

- Rua Paulo Xisto

- Rua Domingos da Luz

- Rua Ubirajara de Campos

- Rua Exp. Miguel Langner

- Rua João Wasilewski

- Rua Abilio Carvalho Bastos

- Rua Vitório Wojcik

- Rua José Chamy

- Rua Virginio Trevisan

- Rua Francisco Cagiano

- Av. Teixeira Soares

Bairro Riozinho

- Rua São Pedro

- Rua Santa Bertila

- Rua São José

- Rua São José

- Rua Santa Bertila (Trecho 02)

- Rua São Valentin

Lenon Diego Gauron/ Hoje Centro Sul;

 

 

 

 

Comentários

🗞️📰 Edição 1602 - Já nas bancas, venha conferir as notícias de hoje!
  • Direitos Autorais

    Textos, fotos, artes e vídeos do Jornal Hoje Centro Sul estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. É expressamente proibido a reprodução do conteúdo do jornal (eletrônico ou impresso) em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização expressa do Jornal Hoje Centro Sul.

  • Endereço e Contato

    Rua Nossa Senhora de Fátima, no 661
    Centro, Irati, PR - CEP 84500-000

    Tel: (42) 3422-2461

  • Pauta: jornalismohojecentrosul@gmail.com

    Expediente: de segunda à sexta das 8h às 17h

JORNAL HOJE CENTRO SUL - © 2020 Todos os Direitos Reservados
Jornalista Responsável: Letícia Torres / MTB 4580