facebook
19/04/2021

Solidariedade fala mais alto em tempos difíceis de pandemia

A rádio Najuá e a paróquia Nossa Senhora da Luz promoveram uma campanha de arrecadação de alimentos para as famílias em situação de vulnerabilidade social. Também foram arrecadados valores em dinheiro e roupas

Solidariedade fala mais alto em tempos difíceis de pandemia

A rádio Najuá e a paróquia Nossa Senhora da Luz realizaram, na última semana, uma campanha de arrecadação de alimentos para as famílias iratienses em situação de vulnerabilidade social. Foram arrecadados mais de 2 mil quilos de alimentos, que serão entregues pela Pastoral Social da igreja em duas etapas.

A primeira destinação dos alimentos foi para 30 famílias na quarta-feira (14). Elas foram até a paróquia e receberam os alimentos, além de um cartão com data marcada para ganhar novamente uma cesta básica no mês seguinte.

Na mesma campanha, a matriz Nossa Senhora da Luz também recebeu doações dos fiéis de roupas e de dinheiro. As roupas já foram colocadas à disposição das famílias em situação de vulnerabilidade nesta semana, no mesmo dia em que elas foram buscar as cestas básicas. As pessoas escolheram roupas que seus familiares precisam e levaram para a casa.

O dinheiro arrecadado foi destinado ao Fundo Social, para o trabalho de assistência realizado pela igreja, como explica o padre da paróquia Nossa Senhora da Luz, Alexandre Spena Regueira. “Com o dinheiro doado também vemos os produtos básicos que faltaram nas cestas, e sabemos que as pessoas muitas vezes precisam comprar medicamentos, pagar contas básicas, tudo isso é acompanhado pela Pastoral Social, todo mês, que tem contato direto com estas pessoas, sabendo da real necessidade de cada um”, explica o padre.  

Jaqueline de Fátima Neves, moradora do bairro Nhapindazal, enfrenta dificuldades financeiras, principalmente neste período de pandemia, em que ela e o esposo estão desempregados. A família é uma das que recebeu a cesta básica e roupas. “Essa ajuda é muito importante, temos três crianças e sem emprego fica difícil. O pessoal da Pastoral Social sempre ajuda e acompanha, atende ao que a gente pede, fazem visitas, isso é muito importante para nós”, afirma Jaqueline.

A diretora da Najuá Jussara Harmuch comenta que quase todos estão sofrendo com a pandemia de uma maneira ou outra, mas boa parte das pessoas é solidaria para com os que enfrentam maiores dificuldades, como a falta de alimentos. “Espero que isso sirva para repensarmos o mundo, para valorizar o que realmente importa. O que mais precisa ser dito é ‘obrigada’. E tenha certeza que você é um cidadão de verdade, que gosta da nossa cidade e acredita no ser humano. A Najuá sempre está de portas abertas para o que a sociedade demanda. Então, se forem necessárias novas campanhas, vamos arregaçar as mangas”, diz Jussara.

Doações

Foram recebidas muitas as doações em pequenas quantidades, o que mostra que a sociedade tem colaborado e responde aos pedidos de ajuda no município. “Muitas pessoas ajudaram com o que podiam. Chegavam sacolinhas com um pacote de bolacha, com sabonete, pasta de dente, outras com arroz, farinha, óleo. Dava para ver que cada um se colocou na pele de quem precisa e doou aquilo que achou conveniente”, relata a diretora da rádio Najuá Jussara Harmuch.

O padre Alexandre agradece à população de Irati por ser tão empática em tempos difíceis. “As pessoas dividem aquilo que elas têm. Nós acreditamos que ninguém é tão pobre que não tenha nada a dividir, nem tão rico que não tenha nada a receber. As pessoas que recebem nos presenteiam com o olhar de alegria e gratidão, e nós não fazemos isso para nós, fazemos para o povo”, comenta.

Além das doações individuais entregues na rádio Najuá ou na paróquia, algumas pessoas compraram alimentos e deixaram nos mercados para destinação à campanha. O supermercado Ivasko, por exemplo, fez várias entregas na rádio.

Outras doações

A loja Modab, que comercializa roupas via internet, da família Havresko, fez a doação de R$ 5 mil para a campanha.

O vereador Ronaldão destinou R$ 2.321,00 para a conta da Pastoral Social da paróquia Nossa Senhora da Luz. Ele prometeu, nas eleições de 2020, destinar 50% do seu salário de vereador às instituições de caridade. Desde janeiro de 2021 o vereador faz esta doação, que neste mês foi  para a campanha.

Texto: Cibele Bilovus

Fotos: Cibele Bilovus/ Hoje Centro Sul

Galeria de Fotos

COMENTÁRIOS