facebook
14/07/2020

Série Memória relembrará histórias curiosas ou inspiradoras que já foram notícia

Série Memória relembrará histórias curiosas ou inspiradoras que já foram notícia

O jornal Hoje Centro Sul faz parte dos 113 anos de Irati, dos 103 anos de Teixeira Soares e dos 102 anos de Rio Azul. São vinte anos trazendo informações relevantes e boas histórias para a população.
Retratamos em nossas páginas desde acontecimentos de impacto como as enchentes que afetaram toda a região em 2014 e o impeachment da presidente Dilma Rousseff em 2016 – quando a reportagem do jornal esteve em Brasília e adiantou como votariam alguns dos deputados paranaenses –, até questões cotidianas pontuais, como reclamações  de moradores da região relacionadas a problemas em suas ruas, campanhas de vacinação, de doação de alimentos e roupas, dentre tantos outros temas do dia a dia.
Também já foram parte das páginas do Hoje Centro Sul conquistas da região, como a inauguração da Unidade Avançada do Erasto Gaertner em Irati e nova faculdade que se instalará na cidade, além de diversas outras boas notícias.  
Ainda, histórias de vida inspiradoras e lendas urbanas que mechem com o imaginário das pessoas. 
Nesta semana, quando se comemora o aniversário dos municípios da região, lançamos a série Memória. Através dela, reapresentamos ao público algumas das reportagens que foram destaque no jornal e que trazem fatos interessantes, curiosos ou inspiradores. 
Iniciamos a série com reportagens  sobre dois homens que, cada um a seu modo, colaborou para a construção da história recente de Irati. Um agricultor e fabricante de vinhos, descendente de italianos, que se destacou na localidade rural onde viveu, o Pinho de Baixo. Sua vida e a da comunidade se entrelaçam numa alegre sintonia de cores e sabores, preservados por seus filhos e netos.   Outro, fabricando carroças e livros, homem simples, mas de um carisma que envolvia não só os moradores do bairro onde vivia, excedia todos os limites. Tanto da cidade, com os culturais, chegando a ser membro da Academia de Letras, Artes e Ciências de Irati (ALACS).  Ambos homenageados neste ano, in memoriam, pela Câmara de Irati. 
Falamos de  Antoninho Zanlorenzi e Gaspar Valenga, retratados em reportagens publicadas no Hoje Centro Sul em 06 de junho 2013 e em  24 de fevereiro de 2017, respectivamente.  Nas homenagens propostas pelos vereadores de Irati, Antoninho Zanlorenzi será o nome a estrada de acesso ao Pinho de Baixo, recentemente asfaltada; e Gaspar Valenga será o nome da Unidade Básica de Saúde do Riozinho.  

Nas próximas semanas, traremos a história de uma festa de casamento que se transformou em velório, a história da curva da noiva, em Gonçalves Júnior.  

Texto: Letícia Torres/Hoje Centro Sul

Galeria de Fotos

COMENTÁRIOS