facebook
18/05/2021

Poucos colégios estaduais da região retornaram às aulas em sistema híbrido

A volta às aulas presenciais no modelo híbrido depende da situação de cada município em relação aos casos de Covid-19

Poucos colégios estaduais da região retornaram às aulas em sistema híbrido

Na última segunda-feira (10), o Governo do Paraná permitiu o retornou das aulas presenciais, no modelo híbrido, nas escolas da rede estadual de ensino.  Porém, cada município carrega suas incertezas diante do cenário de aumento do número de pacientes com Covid-19, ocupação máxima nos hospitais e crescimento do número de mortes causadas pelo vírus, por isso, segundo o chefe Núcleo Regional de Educação (NRE) de Irati, Marcelo Fabricio Chociai Komar, o Governo do Estado deixou a critério dos municípios decidirem sobre o momento adequado para o retorno. No NRE de Irati, teve início o processo de reabertura de três colégios estaduais nesta semana, todos de ensino técnico.

“Não foi possível retornar todas as escolas, tendo em vista a situação particular de cada município. O NRE de Irati atende os nove municípios e dialoga com os gestores de cada cidade. Infelizmente, nos últimos dias os casos só estão aumentando, os óbitos, hospitais lotados e a situação de cada município é particular”, explica Marcelo.

No modelo híbrido, parte dos alunos participa das aulas presencialmente, em sala de aula, enquanto a outra parte acompanha remotamente as aulas ao vivo. Para que os alunos estejam em sala de aula, depende também de os pais entrarem em comum acordo com a escola, e autorizarem os filhos, por meio de um documento, a frequentarem as aulas. Com estes acordos, o retorno das escolas pode acontecer a qualquer momento, informou o chefe do NRE de Irati.

O Centro Estadual Florestal de Educação Profissional Presidente Costa e Silva de Irati está retornando gradativamente com as aulas presenciais do curso integrado; o Colégio João XXIII de Irati tinha definido o retorno na próxima semana para o curso técnico em Enfermagem, mas, com o novo toque de recolher do município, as possibilidades estão sendo reestudadas; e o Colégio Alberto Carvalho, de Prudentópolis, retornou em sistema híbrido com o curso técnico em Enfermagem.

Há a expectativa de que outros colégios do NRE de Irati voltem às aulas ainda no dia 24 deste mês, mas dependerá da situação da pandemia em cada município. “Todos desejam o retorno das aulas, mas que venha com segurança, com calma e tranquilidade, por isso não é feito sem avaliar primeiro a questão da saúde pública. É importante darmos as condições necessárias da educação, mas o mais importante é a vida das pessoas”, afirma Marcelo.

Ele explica que o principal objetivo desta tentativa da Secretaria de Estado da Educação reiniciar as aulas presenciais é atender os alunos que estão com uma defasagem maior no aprendizado, para que eles possam melhorar ao acompanhar as aulas.

Transporte escolar

Os prefeitos dos municípios da região decidiram, em conjunto na Amcespar, em não disponibilizar o transporte escolar neste momento, tendo em vista a gravidade da situação da saúde pública nos municípios devido à Covid-19 e ao fato dos professores ainda não terem sido vacinados.

A Amcespar publicou uma nota esclarecendo que a medida adotada é porque ainda não há exatidão quanto às datas de vacinação dos profissionais da educação e mesmo que houvesse certeza da vacinação de todos, seria necessário esperar um período que varia entre 14 e 28 dias, dependendo da vacina.

Também foi mencionado o fato de que as medidas de restrição em relação à ocupação de pessoas em locais fechados incluem os veículos de transporte coletivo e que cumprir estas medidas – fazer o transporte de um número pequeno de alunos em cada ônibus –, implica em aumento considerável de custos. Além do principal fator considerado por todos os prefeitos da região que é a saúde e a segurança em relação a vida.

Vacinas para os professores

Em relação às vacinas para os professores, o Paraná anunciou esta semana o início da campanha para a aplicação da primeira dose nos profissionais da educação que têm entre 55 e 59 anos de idade e atuam nos centros de educação infantil, pré-escolas, ensino fundamental, ensino médio, profissionalizante e educação de jovens e adultos -EJA .

Em Irati, a Vigilância Epidemiológica informa que, desde segunda-feira (10), está disponível, no site oficial da Prefeitura de Irati, o formulário para cadastramento dos Trabalhadores de Educação para o recebimento da vacina contra a Covid-19. Basta entrar em www.irati.pr.gov.br, clicar no banner “Tudo sobre Covid-19”e preencher os dados. O cadastramento tem a finalidade de planejar e organizar a logística de vacinação, que deve começar em breve.

No dia da vacinação, o profissional deverá apresentar declaração de pertencimento no grupo dos trabalhadores da educação, assinada e carimbada pelo direto/gestor da instituição de ensino.

Aulas remotas continuam

As aulas remotas permanecem da mesma forma, por vídeo-chamadas, entrega de atividades on-line ou por material impresso para os alunos que não têm acesso a internet. “Dentro dos recursos que cada escola possui, as aulas remotas estão caminhando muito bem. O empenho dos professores em desenvolver o ensino e aprendizagem, contamos sempre com o apoio do Conselho Tutelar e do Ministério Público em casos de evasão escolar, para garantir aos alunos o aprendizado e a permanecia nas escolas”, disse o chefe do NRE de Irati.

Marcelo também conta que o trabalho dos professores aumentou muito, pois o tratamento é individual e as buscas em aproximar os estudantes do aprendizado são constantes. Em pouco mais de um ano, todos tiveram que aprender a trabalhar com tecnologias que não conheciam antes. “Queria pedir aos pais acreditem na educação, que valorizem tudo que está sendo feito, e que sempre exista um diálogo entre a família e a escola. É um momento muito difícil, mas aprendemos a ter mais empatia e respeito um pelo outro. Estamos nessa expectativa de ter uma condição sanitária melhor para poder retornar presencialmente”, finaliza.

Texto: Cibele Bilovus

Foto: Pixabay 

COMENTÁRIOS