facebook
02/10/2020

Na região de Irati, apenas 35,8% dos rebanhos foram atualizados

Na região de Irati, apenas 35,8% dos rebanhos foram atualizados

A Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (ADAPAR) está realizando Campanha de Atualização de Rebanho, que iniciou em maio e vai até novembro, através de um documento que está sendo entregue. Devem preencher o comprovante todos os produtores de animais, não só os criadores de gado bovino. Proprietários de ovinos, caprinos, suínos e equinos também precisam atualizar.

Na região de Irati, que compreende 10 municípios, apenas 35,8% destes rebanhos estão com sua atualização comprovada. Ou seja, de um total de 7.306 cabeças, apenas 2.613 foram atualizadas, restando ainda 4.693, ou 64,2% para passarem pelo processo, e ainda estão pendentes.

Especificamente em Irati, cidade sede do Núcleo Regional de Agricultura, os números não estão muito diferentes, com 39,7% do rebanho já atualizado e 60,3% que ainda não sofreu atualização.

A Secretaria de Agropecuária, Abastecimento e Segurança Alimentar de Irati vem auxiliando os produtores nessa atualização, e está entregando os comprovantes nas comunidades, para que possam ser distribuídos aos produtores. De posse do documento, estes produtores deverão preencher, por a data, assinar, e enviar foto do comprovante via WhatsApp para a ADAPAR, no número 3421 3504. Desta forma, evita-se a aglomeração de pessoas, e facilita mesmo para aqueles que moram mais longe da cidade. Os comprovantes de atualização também estão disponíveis nas lojas veterinárias.

A ADAPAR de Irati solicita a colaboração dos criadores para que façam a atualização o quanto antes, sem deixar para a última hora. Informações pelo telefone 3421 3504.

Índices

Nos demais municípios atendidos pelo escritório da ADAPAR em Irati, os índices de atualização também estão parecidos com os da sede. A seguir, respectivamente o percentual de rebanho já atualizado e por atualizar:

Fernandes Pinheiro: 37,6% / 62,4%

Guamiranga: 23,2% / 76,8%

Imbituva: 29,0% / 71,0%

Inácio Martins: 27,1% / 72,9%

Ivaí - 47,3% / 52,7% po

Mallet: 29,1% / 70,9%

Rebouças: 32,4% / 67,6%

Rio Azul - 41,7% / 58,3%

Teixeira Soares: 37,1% / 62,9%

Texto/Foto: Assessoria PMI

COMENTÁRIOS