facebook
21/10/2021

Licitação do projeto executivo de pavimentação em Rebouças avança nova etapa

Trata-se do projeto de pavimentação da PR-990, na região Centro-Sul do Estado. A nova rodovia ligará o município de Rebouças à PR-364, substituindo o acesso por via não-pavimentada em uso atualmente

Licitação do projeto executivo de pavimentação em Rebouças avança nova etapa

O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) abriu nesta quarta-feira (20) os envelopes com documentos de habilitação das empresas que disputam a elaboração do projeto de pavimentação da PR-990, na região Centro-Sul do Estado. A nova rodovia ligará o município de Rebouças à PR-364, substituindo o acesso por via não-pavimentada em uso atualmente.

Participaram nesta etapa as empresas classificadas nos três primeiros lugares, a partir de um cálculo quanto à análise de suas propostas técnicas e propostas de preços, fases que já tiveram aberturas de envelopes. A comissão de julgamento vai analisar os documentos de habilitação e, na sequência, publicar o resultado desta análise em Diário Oficial e no portal Compras Paraná, dando início ao período de recursos e contrarrazões.

A PR-990 começa no entroncamento com a PR-364, ponto conhecido como Trevo de Rebouças, e segue por 12,6 quilômetros até o começo da Avenida João Francisco Sobrinho. O projeto deverá conter os levantamentos e estudos necessários para a pavimentação da pista de terra existente e também para a implantação de dispositivos como acostamentos, acessos e outros que melhorem a trafegabilidade e segurança dos usuários.

As interseções deverão ser projetadas em nível, preferencialmente no padrão de rótulas fechadas alongadas.

Nos pontos em que a rodovia cruza o Rio Arroio dos Cristianos, Rio do Salto e Rio Poço Bonito, deverá ser verificada a necessidade de implantação de pontes ou se será utilizada outra solução, como galerias. O projeto também precisará prever, conforme a possibilidade, a execução de passeios, travessias para pedestres, pontos de ônibus e ciclovias ou faixas compartilhadas.

O prazo estimado para a execução do projeto é de 300 dias após assinatura de contrato e emissão de ordem de serviço.

Texto/foto: Agência Estadual

COMENTÁRIOS