facebook

Encanto do artesanato natalino aquece vendas de itens decorativos e movimenta a cidade

Com a produção manual de encantadores objetos decorativos, o artesanato local não só atrai os olhares, mas também aquece o setor nesta temporada festiva.

22/12/2023

Encanto do artesanato natalino aquece vendas de itens decorativos e movimenta a cidade

Com formação em design de interiores, foi nos trabalhos manuais artesanais que Michelli Cristina Scherzovski descobriu sua vocação. Proprietária de uma loja especializada em diversos tipos de objetos decorativos, ela vê no período natalino as vendas aumentarem significativamente. “Além de eu fazer as minhas encomendas normais, eu agrego o Natal, e esse ano foi bem surpreendente, porque a demanda foi bem grande. Eu trabalho não só com montagem, mas com restauração, com vitrines, as montagens de árvores e montagens de guirlandas”, conta Michelli.

Desde outubro, ela inicia a exposição e a venda dos artigos natalinos que confecciona, que contemplam uma ampla gama de itens festivos, com uma variedade encantadora para aqueles que buscam dar um toque especial às celebrações de Natal.

Quinze dias antes do Natal, a loja de Michelli praticamente já tinha esgotado seu estoque de produtos, uma consequência da grande demanda por enfeites e decorações deste ano. “Esse ano foi muito bom, para mim foi excelente. Todo ano a gente agrega um pouquinho mais, aumentamos um pouco o investimento em materiais, e esse ano praticamente foi tudo, eu já estou sem material, na verdade”, cita.

A novidade, neste ano, foi que além dos produtos na loja, ela passou a fazer decorações de vitrines para outros comércios de Irati.

Feira livre da praça da Matriz

Outro ponto de encontro para quem aprecia o artesanato é a feira localizada na Praça Etelvina Gomes, em frente à Igreja Matriz Nossa Senhora da Luz, em Irati. Inspirada na feirinha do Largo da Ordem de Curitiba, a feira surgiu há quase um ano e reúne vários artesãos do município.

Desde o último dia 10 de dezembro a feira passou a funcionar todos os domingos do mês, das 9h às 14h, a pedido dos próprios artesãos que viram uma oportunidade de expor seus produtos e de garantir renda extra.

De acordo com a presidente do Conselho Municipal de Turismo, Interlocutora Regional da Adecsul e coordenadora da Feira Livre da Praça da Matriz, Vanessa Alberton, o objetivo é levar aos iratienses produtos locais de qualidade.

Além disso, ela conta que a proposta é transformar a praça em um ponto de encontro para as famílias que buscam um momento de lazer e contato com a natureza. “É bacana utilizar a praça também, pois tem esse momento de interação, de trazer as crianças até para fazer um piquenique na praça. Vem passear, comprar um produto, se divertir, traz as crianças no parquinho e tem esse benefício também de movimentar o comércio local”, descreve.

Com isso, Vanessa acredita que o local se tornará referência para a população de Irati, além de dar mais visibilidade aos artesões do município. “A gente pelo Conselho de Turismo e pela Adecsul tem esse foco de contribuir de alguma forma para que movimente a economia, para que o artesão que é daqui seja visto, que seja lembrado”, afirma.

Um dos artesãos que já faz parte da feira é Luis Henrique van Tienen. Ele produz amigurumis, que são bonequinhos de crochê de personagens ou conforme o desejo do cliente. Nesta época que antecede o Natal, o artesão chega a dispensar encomendas por conta da alta demanda. “Me pediram um presépio pequeno de amigurumi, já repassei para outra feirante daqui. Essa parte de Natal, Páscoa, essas datas comemorativas, sempre tem mais encomendas de produtos característicos ligados àquela data”, conta.

Com a feira, ele cita que a exposição faz com que os artesãos sejam mais valorizados e tenham seus trabalhos amplamente divulgados para a população. “Essa exposição é ótima, porque vai estar divulgando o nosso produto, e falta muito isso, o artesanato em geral é bem desvalorizado, o pessoal não dá valor, e quando aqui todo mundo vendo, começa a valorizar”, avalia.

A feira é aberta para todo pequeno comerciante local que tenha interesse em fazer parte do projeto. Para o próximo ano, a pretensão é expandir e trazer para o local praça de alimentação e outras opções de gastronomia e lazer, explica Vanessa Alberton. “Uma das ideias também, desde o início da feira, é que tenha uma praça de alimentação, que tenha churros, o pastel, café, caldo de cana. E além disso, a gente está em busca, inclusive, de parceiros que queiram vir para a praça realizar eventos paralelos no mesmo dia. Passar uma manhã com a gente aqui fazendo alguma gincana com as crianças, alguma competição na quadra, algo nesse sentido, para que venham mais com mais munícipes participar da feira e que movimente mais também a questão econômica para os feirantes”, detalha Vanessa.

Época de oportunidades

Para Michelli Scherzovski, o Natal é uma oportunidade única para artesãos e comerciantes garantirem além do reconhecimento de seus trabalhos, uma renda extra, que as outras épocas do ano não proporcionam. “É um momento de você fazer um pé-de-meia, porque é um momento diferenciado, as pessoas investem um pouco mais, então tem que aproveitar a época. Para nós do artesanato, o Natal é uma das melhores épocas e é o que faz o diferencial”, finaliza.

Texto: Lenon Diego Gauron/Hoje Centro Sul

Fotos: Lenon Diego Gauron/Hoje Centro Sul e Divulgação

Comentários

🗞️📰 Edição 1567 - Já nas bancas!
  • Direitos Autorais

    Textos, fotos, artes e vídeos do Jornal Hoje Centro Sul estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. É expressamente proibido a reprodução do conteúdo do jornal (eletrônico ou impresso) em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização expressa do Jornal Hoje Centro Sul.

  • Endereço e Contato

    Rua Nossa Senhora de Fátima, no 661
    Centro, Irati, PR - CEP 84500-000

    Tel: (42) 3422-2461

  • Pauta: jornalismohojecentrosul@gmail.com

    Expediente: de segunda à sexta das 8h às 17h

JORNAL HOJE CENTRO SUL - © 2020 Todos os Direitos Reservados
Jornalista Responsável: Letícia Torres / MTB 4580