facebook
08/02/2021

Colégio São Pedro Canísio é um dos primeiros a retornar com as aulas presenciais em Irati

Colégio São Pedro Canísio é um dos primeiros a retornar com as aulas presenciais em Irati

Após o decreto do Governo Estadual que liberou os colégios estaduais e privados a retornarem às aulas presenciais seguindo todos os protocolos sanitários e de prevenção ao coronavírus, o Colégio São Pedro Canísio foi um dos primeiros a retomar as suas atividades na última quarta-feira (03) em Irati.

Antes desse decreto, o colégio já havia feito uma pesquisa  com os pais para saber qual era o interesse deles para o retorno das aulas presenciais.  De acordo com a diretora Patrícia Moravieski, dentre todos os pais de alunos apenas 10% optaram que os filhos continuassem em casa, com aulas online ao vivo. “Alguns por morarem com os avós, outros por serem grupo de risco e outros pelos pais ainda terem algum receio, mas o restante concordou com a ideia”, comenta a diretora.

Para garantir a segurança dos alunos matriculados desde o G2 ao 9º ano, foi criado um plano de contingência por uma equipe profissional, formada por engenheiros de segurança do trabalho. Este plano estabelece todas as medidas necessárias para que seja mantido o distanciamento, a higienização e os demais cuidados devido à pandemia do novo coronavírus.

O colégio conseguiu organizar os alunos nas salas de aula, que possuem até 60 metros quadrados a 70 metros quadrados, assim respeitando a distância mínima de dois metros entre os estudantes. Também adaptou a rotina para a chegada dos alunos. “Os alunos, que temos até o nono ano, são recebidos na portaria de forma escalonada, cada turma tem um horário de entrada e saída para o controle de aglomerações e é aferida a temperatura das crianças lá na portaria”, explica Patrícia.

Cada criança tem seu kit de álcool em gel e máscara. E mesmo que o distanciamento tenha que ser mantido, a área externa do colégio é grande e por isso, os alunos ainda podem desfrutar dela para fazer atividades, sem correr o risco de contaminação.

Entretanto, a diretora frisa que os cuidados devem ser mantidos o tempo todo pelos alunos e pelas famílias. “É um ano de empatia, é um ano de cooperação, é um ano de compreensão que o sucesso da escola permanecer aberta, para que tudo de certo, vai depender de entender que aqui nós cuidaremos do distanciamento, mas lá eles não podem ir para festas, ir para aniversários, se encontrarem, porque isso respinga aqui e a escola vai fechar por 14 dias. Três pessoas da escola que apareçam contaminadas já caracteriza um surto e a escola fecha por 14 dias”, afirma Patrícia.

Primeiros dias de aula

A diretora conta que os pais estão bem satisfeitos com os primeiros dias de aula. “O retorno que os pais nos deram nos grupos de whatsapp foi de muita felicidade, muita”, comenta Patrícia.

O fato de as crianças retornarem para a escola, segundo relatos dos pais, deixou-as mais animadas inclusive em casa.

Ano anterior

Patrícia relata que a pandemia e as aulas online ao vivo de 2020 fizeram com que os pais se mantivessem mais próximos dos filhos no processo de aprendizagem e interagissem mais com a escola e os professores.

“Este momento de pandemia veio para trazer a família para a escola. Antes a gente chamava a família dizia: ‘teu filho está com alguma dificuldade na coordenação motora’, aí a família dizia: ‘mas lá em casa ele faz certinho, mas lá em casa ele escreve, o problema é aqui, tem que resolver’. Com este período que as crianças ficaram em casa, os pais tiveram a oportunidade de verdadeiramente conhecer o que é o progresso da aprendizagem e as dificuldades que as crianças têm”, conta.

Lista de espera

Hoje o Colégio São Pedro Canísio conta com lista de espera para todos os anos letivos, mas por enquanto, está mantendo apenas os alunos que já estavam matriculados, por conta do distanciamento necessário e porque ainda existe a chance de aqueles que os pais optaram por continuar em casa, retornarem para o presencial.

Texto: Da Redação/Hoje Centro Sul

Fotos: Divulgação/São Pedro Canísio

Galeria de Fotos

COMENTÁRIOS