facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1230 - Já nas bancas!
24/06/2020

Centro de Processamento de Alimentos receberá veículos e equipamentos

Centro de Processamento de Alimentos receberá veículos e equipamentos

Nos próximos dias Irati receberá veículo e uma série de equipamentos destinados ao Centro de Processamento de Alimentos. O lote será repassado à Prefeitura pelo Governo do Estado do Paraná, na forma de Convênio com Cláusula de Cessão de Uso, oriundo do patrimônio da Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento (SEAB).

Irão compor o repasse um veículo furgão Renault Master, uma lavadora de alta pressão, duas balanças de piso com capacidade para 1.000kg, dois carros de transporte, um transportador/elevador de pallets, 177 caixas para hortifrutigranjeiros e sessenta unidades de pallets. No total, veículo e equipamentos somam R$ 125.814,00 em itens novos.

“Os bens discriminados que vamos receber irão melhorar cada vez mais a logística de entrega dos produtos oriundos da Agricultura Familiar que compõem a merenda escolar para as escolas e centros municipais do nosso Município. Aproximadamente 5.500 alunos são beneficiados com os produtos, garantindo assim uma alimentação adequada e de qualidade”, comenta Daniele Schlumberger, que é engenheira de alimentos, responsável pelo Centro de Processamento, e consultora alimentar em segurança de alimentos. 

Segundo ela, nos três meses letivos de 2020, em que ocorreram aulas, Irati atingiu 75% da compra dos produtos da agricultura familiar para a merenda. Este tipo de compra representa a geração de trabalho e renda no campo, fomento da economia, além de garantir alimentos saudáveis para os alunos da rede municipal de ensino.

Centro de Processamento

De acordo com o secretário municipal de Agropecuária, Abastecimento e Segurança Alimentar, Raimundo Gnatkowski, desde 2017 o Centro de Processamento de Alimentos foi colocado em funcionamento, atendendo o PNAE Municipal, com produtos oriundos da agricultura familiar local. “A partir de então, tem superado a meta de 30% deste tipo de aquisição, chegando a patamares muito maiores. Estes equipamentos virão fortalecer este atendimento e contribuir com a melhoria da estrutura do Centro de Processamento de Alimentos e da merenda escolar”, comenta o secretário.

Texto: Assessoria PMI