facebook
04/11/2020

Aumento do número de casos de COVID-19 em Irati preocupa o setor de saúde

Na última semana foram 66 novos casos, 32 deles confirmados apenas nesta terça-feira, dia 03

Aumento do número de casos de COVID-19 em Irati preocupa o setor de saúde

Na terça-feira (03), 32 pessoas testaram positivo para COVID-19 em Irati. É o maior número de casos confirmados em um único dia desde o início da pandemia em março.  Anteriormente, o maior número de casos em 24 horas era do dia 21 de outubro, 18 casos no total.

“Estamos com 32 casos confirmados de COVID-19, somente nessas últimas 24 horas. Nos últimos sete dias, tivemos 66 novos casos, em comparação aos sete dias anteriores que foram apenas 17 casos. E a nossa média de 2,4 subiu para 9,4. O que significa um aumento considerado de 400% na nossa média nova”, relatou a enfermeira da Vigilância Epidemiológica Jéssica Cristina Mattos.

Entre setembro e meados de outubro, o número de casos vinha apresentando queda, o que motivou o Centro de Operações Especiais e Fiscalização (COEF) a propor medidas menos restritivas. Entretanto, agora, o aumento da propagação do coronavírus entre os iratienses preocupa os profissionais de saúde.

A secretária municipal de Saúde, Jussara Aparecida Kublinski Hassen enfatiza que a pandemia não acabou e os cuidados devem ser mantidos pela população.  “Este afrouxamento que nós demos não quer dizer que acabou, o COVID-19 continua, está entre nós, não temos vacina. Como foi falado no último Decreto, que se não desse certo nós iriamos fazer a restrição novamente”, afirma.

A enfermeira da Vigilância Epidemiológica e integrante do COEF, Denise Homiak Fernandes, faz um apelo à população para que colabore com as medidas de segurança para que não seja necessário o retorno das medidas restritivas rígidas. “Estamos aqui para fazer um apelo para a população, e um alerta também porque a gente teve um número expressivo de casos confirmados neste final de semana”, ressaltou.

A recomendação do COEF é a mesma desde o início da pandemia: uso de máscara, álcool em gel, isolamento social, higiene constante das mãos. 

“Nós estamos desde março nessa luta, não paramos, temos uma equipe de mais de 20 trabalhadores, é direto, 24 horas monitorando, fazendo teste, trabalhando no Pronto Atendimento, trabalhando na Unidade do Joaquim Zarpellon. Então pessoal, a gente não está brincando, o COVID-19 não acabou, a transmissão continua”, enfatiza a secretária de Saúde.

Números

Desde o início da pandemia, de acordo com o Boletim Epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde de Irati, até o dia 03 de novembro, Irati teve 504 pessoas contaminadas pelo coronavírus. Destas, 412 já estão recuperadas, 12 morreram e 75 estão em isolamento domiciliar. Também segundo o Boletim há duas pessoas internadas, uma na enfermaria e outra na UTI.

Texto: Da Redação/Hoje Centro Sul

Foto: Najuá

Galeria de Fotos

COMENTÁRIOS