facebook
06/07/2020

Apras teme aglomeração nos supermercados de Irati em função das novas restrições

Apras teme aglomeração nos supermercados de Irati em função das novas restrições

Desde o começo da pandemia a Apras – Associação Paranaense de Supermercados – vem orientando os supermercadistas para seguirem todas as normas e medidas preventivas para combater o Coronavírus, mas teme que a limitação de 40% da capacidade e o fechamento aos sábados e domingos impostos pelo Decreto Municipal 196/2020 gere tumultos e aglomerações, principalmente na véspera e no dia posterior ao fechamento.

A experiência adquirida nesta pandemia mostra que a população é extremamente afetada psicologicamente quando existe algum risco de abastecimento. Assim como diversas pessoas correram para os supermercados no início da pandemia para estocar produtos, o fechamento das lojas aos sábados e domingos poderá ocasionar uma correria para a população se abastecer, inclusive fazendo muitas pessoas irem às compras sem a real necessidade.

Antes deste decreto, os supermercados já estavam limitando a entrada nas lojas, mas a redução do atendimento para 40% da capacidade, assim como o fechamento aos sábados e domingos, surtirá um efeito contrário - ao invés de garantir o distanciamento social, criará longas filas na parte externa dos estabelecimentos, o que será muito complicado nestes dias em que a previsão é de muita chuva e frio.

Os supermercadistas estão empenhados em oferecer o melhor atendimento possível, inclusive intensificando as suas operações para agilizar o atendimento, mas as empresas estão preocupadas que as mudanças coloquem a população em uma situação mais vulnerável.

A Apras acredita que por se tratar de atividade essencial, a opção mais segura e eficaz é garantir que os supermercados estejam abertos e seguindo todos os protocolos de segurança, possibilitando que a população consiga se abastecer com tranquilidade e sem riscos.

 

 

Texto: Assessoria Apras

COMENTÁRIOS