facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1204 - Já nas bancas!
16/03/2020

Saúde confirma seis casos de coronavírus no Paraná

Saúde confirma seis casos de coronavírus no Paraná

O secretário de Estado da Saúde Beto Preto informou na última quinta-feira (12), durante entrevista coletiva, que o Paraná tem seis casos de coronavírus confirmados. Cinco pessoas residem em Curitiba e uma em Cianorte, na Região Noroeste. Todos os casos são importados, ou seja, em que os pacientes foram contaminados durante viagem ao Exterior. A secretária municipal de Saúde da Capital, Márcia Huçulak, também participou da divulgação para a imprensa.

O secretário alertou que o momento é de intensificação das medidas de prevenção. “O Estado está preparado para este enfrentamento. Seguimos as medidas de contenção e de prevenção estabelecidas pelo Ministério da Saúde e contamos com o apoio das secretarias municipais, que é fundamental”.

Ele salientou ainda que não há motivo para pânico. “O que devemos é ressaltar as medidas preventivas e tranquilizar os parananenses quanto à estrutura de saúde organizada no Estado”.

Como agir 

A principal recomendação para as pessoas com sintomas respiratórios é buscar o primeiro atendimento nas unidades básicas de saúde. “Os profissionais que atuam nesta linha de frente estão preparados para receber este paciente, passar as orientações, fazer o diagnóstico inicial e o encaminhamento para exames laboratoriais”, informou o secretário da Saúde Beto Preto.

O Paraná também conta com um sistema de Vigilância de Síndromes Respiratórias considerado modelo pelo Ministério da Saúde, com 51 unidades sentinelas, distribuídas em todas as regiões, e que atuam no registro, identificação e confirmações de casos suspeitos durante o ano todo.

Eventos públicos 

Em alinhamento com o Ministério da Saúde, a secretaria estadual, por meio do Centro de Operações em Emergências, informa que até o momento não há orientação para cancelamento de atividades coletivas e eventos públicos. No entanto, as medidas de contenção estão sendo analisadas diariamente pelo ministério e o COE estadual, sempre avaliando evidências de efetividade para cada cenário.

É recomendado evitar aglomerações, especialmente para grupos de maior risco, como idosos e pessoas portadoras de comorbidades, além das demais medidas já divulgadas, como a higienização das mãos, cobrir o nariz ao espirrar e tossir e usar lenços descartáveis. Outra orientação é o isolamento domiciliar em caso de suspeita da doença.

Casos

Os casos confirmados pelo Laboratório Central do Paraná (Lacen) são: pai e filha, de 54 anos e 25 anos, residentes em Curitiba, que passaram pela Espanha, Portugal, Holanda, Madri e Lisboa; pai e filho, de 43 e 15 anos, também de Curitiba, que estiveram na Itália; um homem de 58 anos, de Curitiba, que visitou a Itália, e uma mulher de Cianorte, de 47 anos, que esteve nos Emirados Árabes.

O Lacen iniciou os exames confirmatórios ainda na noite de ontem. Os técnicos do laboratório fizeram uma grande força-tarefa para a conclusão das análises.

Texto e foto: Agência Estadual

Classificados