facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1177 - Já nas bancas!
30/10/2019

Política em Questão - Por Letícia Torres e Ciro Ivatiuk

Política em Questão - Por Letícia Torres e Ciro Ivatiuk

Energia para o agronegócio

Um programa lançado nesta terça-feira (29) substituirá a tecnologia monofásica nas áreas rurais do Estado por trifásica. Trata-se do programa Paraná Trifásico, que será implantado pela Copel e envolve investimentos de R$ 2,1 bilhões e 25 mil quilômetros de redes de energia até 2025. O deputado Artagão Júnior (PSB) acompanhou o lançamento ao lado do governador Ratinho Junior (PSD), do presidente da Copel, Daniel Pimentel Slaviero, secretários e demais autoridades. “É um dia histórico. Tenho certeza que será um avanço tecnológico para o produtor rural, surtindo efeito em toda a economia do Estado. Mas não só isso, é uma mudança de patamar na qualidade energética, que vai trazer mais segurança e agilidade no abastecimento do campo”, disse o deputado Artagão Júnior. Para o governador, a modernização acompanha o desenvolvimento do agronegócio paranaense. “É o maior programa do Brasil de linha trifásica, que trará um aumento de produtividade a todo o setor, desde o pequeno agricultor até as grandes cooperativas”, disse Ratinho Junior.

Isentos do IPVA

Proprietários de carros elétricos emplacados no Paraná estão isentos do recolhimento de IPVA a partir de agora. Sancionada pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior (PSD), a Lei 19.971 inclui os modelos na lista de veículos livres do imposto – atualmente em 3,5% do valor do automóvel – até o dia 31 de dezembro de 2022. Sem a isenção, um elétrico como o Renault Zoe, vendido a R$ 149.990, geraria um imposto de R$ 5.249,65. A medida não abrange carros híbridos, uma vez que o texto se refere a veículos “equipados unicamente com motor elétrico para propulsão”. Em março, quando apresentou o anteprojeto da lei, o governador assinou também um despacho pedindo ao Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) que aplique isenção de ICMS na aquisição de veículos elétricos.

Cleonice transmite o cargo para Fabio Jacomel

No final da tarde de segunda-feira (28), a prefeita de Fernandes Pinheiro Cleonice Schuck (PSB) fez a transmissão do cargo para o vice Fabio Jacomel (PP). Ela se licenciou por 21 dias, no período de 29 de outubro a 18 de novembro, por motivos particulares, sem subsídios. Cleonice também teve a autorização da Câmara de Fernandes Pinheiro, concedida através do decreto 005/2019, para se ausentar do país. Ao lado do esposo Nei Schuck, ela embarga na quinta-feira (31) para Portugal para um descanso merecido, depois de tantas conquistas alcançadas para o município.

Em Inácio Martins

As obras da rede de esgoto da Vila Borges, em Inácio Martins, deverão ser retomadas em novembro. A empresa que havia ganhado a licitação desistiu da obra após fazer 20,16% dos serviços. Com isso as obras ficaram paralisadas por um tempo e, agora, uma nova licitação foi concluída, a Tomada de Preços 008/2019. A empresa vencedora, UNAS Construtora, tem 180 dias para a execução da obra, cujo investimento é de R$ 484.273,48.

Nei Cabral assumirá prefeitura

Nesta terça feira (29) prefeito de Irati Jorge David Derbli Pinto (PSDB), enviou para a Câmara de Irati um pedido de licença do cargo para tratar de interesses particulares, por 15 dias, a partir de 11 de novembro, sem subsídios durante o período. O vice-prefeito, Amilton Komnitski (PSD) enviou ofício comunicando os vereadores que não poderá assumir o cargo de prefeito entre os dias 11 e 25 de novembro. Assim sendo, o cargo deverá ser assumido pelo presidente da Câmara, Nei Cabral (PDT).