facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1182 - Já nas bancas!
27/09/2019

Política em Questão - Por Letícia Torres e Ciro Ivatiuk

Política em Questão - Por Letícia Torres e Ciro Ivatiuk

Apoio ao empreendedorismo feminino 

A prefeita de Fernandes Pinheiro, Cleonice Schuck (PSB) participou, em Curitiba, na terça-feira (24), do lançamento do programa Banco da Mulher Paranaense. Apresentado pelo governador Ratinho Júnior (PSD), o programa oferecerá créditos de R$ 1 mil a R$ 500 mil, de acordo com o porte das empresas, via Fomento Paraná. As taxas de juros são a partir de 0,98% ao mês no microcrédito e a partir de 0,48% ao mês para micro e pequenas empresas. “São recursos com juros baixos para as mulheres que querem empreender e conquistar a sua independência financeira. E a Prefeitura Municipal de Fernandes Pinheiro, por meio de seu Agente de Crédito Tiago Rufino, está apta à realização da concessão de créditos deste projeto”, afirma a prefeita que, na foto, está ao lado da primeira dama do estado, Luciana Saito Massa.  Em Irati, na Aciai, há agentes de crédito que auxiliam neste e em outros programas via Fomento Paraná.

 

Faça sua parte no combate à corrupção

Discutir o que é corrupção, entender que a prática está arraigada em todas as instâncias da sociedade e que ela precisa ser combatida com a mudança de hábitos, desde a infância. Esta é a proposta do projeto lançado pela Câmara Municipal de Irati, que foi apresentado pelo presidente Nei Cabral (PDT) na sessão ordinária desta semana, no dia 24.  Corrupção é colar na prova, é não devolver o troco recebido a mais no supermercado, é estacionar em vagas destinadas a idosos quando não se é idoso, é furar fila e tantas outras atitudes que muitas pessoas tomam com intuito de levar vantagem, de usar o “jeitinho”.  Essas atitudes têm que mudar e logo. Sobretudo porque quando tivermos pessoas melhores, dispostas a se policiar diariamente para evitar a corrupção em todas as instâncias, também teremos representantes políticos melhores. A mudança começa em cada pessoa e cada um fazendo a sua parte, o todo também muda. Parabéns à Câmara Municipal de Irati pela bela iniciativa da campanha. 

 

Obras do Teatro 

Recentemente, o prefeito de Irati, Jorge Derbli (PSDB) esteve reunido com o Superintendente de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Aldo Bona e com o diretor geral da Secretaria de Infraestrutura e Logística, José Brustolin Neto para tratar da retomada da construção do Teatro de Irati, cujas obras estão paralisadas desde 2010. Além de uma atualização no projeto, a obra também precisa de dotação orçamentária. Uma alternativa seria através de uma parceira entre a Unicentro e a Paraná Edificações, mas sem gerar falsas expectativas em curto prazo.

 

Campanha de Natal da Aciai

Na última semana, o presidente da Aciai, Elias Mansur, lançou a Campanha de Natal 2019, durante um evento da entidade. Neste ano, a promoção ocorre apenas em Irati e não mais com os sorteios estaduais realizados pela Faciap. Serão sorteados R$ 10 mil em vales-compras e 01 carro Fiat Mobi zero quilômetro. Em breve, a Aciai apresentará mais detalhes da Campanha.

 

A  língua do Rogério...

No Poder Legislativo, para que um parlamentar consiga cumprir com o seu papel de legislar e fiscalizar o Pode Executivo, antes de tudo ele precisa defender teses, convencer os pares, fazer aliados. Vivemos em uma democracia, em que a vontade da maioria predomina, logo para que qualquer mudança aconteça é preciso saber conversar, saber expressar ideias e construir pontes com as pessoas. Isso vale para o grêmio estudantil, para o DCE da universidade, para a reunião de condomínio, para as decisões em família e também para a Câmara Municipal, para a Assembleia Legislativa, para o Congresso Nacional. Não é falando tudo que se pensa, faltando com o respeito às normas, às leis vigentes, à opinião dos outros que se conquista qualquer coisa. A dica, em especial, é para o vereador iratiense Rogério Luís Kuhn (PV) que, na última sessão da Câmara Municipal de Irati, no dia 24, conseguiu manifestações de vários vereadores contrários a ele, devido a uma entrevista que concedeu a um portal de notícias de Guarapuava fazendo acusações diversas aos vereadores.