facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1171 - Já nas bancas!
20/09/2019

Política em Questão - Por Letícia Torres e Ciro Ivatiuk

Política em Questão - Por Letícia Torres e Ciro Ivatiuk

Lula Thomaz e Juliana reivindicam recursos 

Nesta quarta-feira (18), o prefeito de Teixeira Soares Lula Thomaz (PSB) e a vice Juliana Belinoski (PSC) cumpriram uma extensa agenda em Curitiba em busca de recursos para obras e projetos de diversas áreas. Eles estiveram na Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística, onde trataram com o diretor geral, Neto Brustolin, sobre o projeto para a perfuração de um poço artesiano na localidade de Sitio Novo, para atender 72 famílias. Também visitaram a Secretaria de Estado da Saúde, onde foram recebidos pelo secretário Beto Preto e solicitaram mais recursos para o hospital da cidade. Também estiveram na Secretaria de Infraestrutura e Logística, com o secretário João Carlos Ortega, que lhes garantiu recursos para iluminação pública, que serão investidos na avenida Prefeito José Viana. 

 

Em família 

Os três filhos e a esposa do deputado federal, secretário de Infraestrutura e Logística do Paraná, Sandro Alex (PSD), o acompanharam, em Rebouças, na solenidade em que ele recebeu o Título de Cidadão Honorário. Sandro aproveitou o momento em família para relembrar quando, com idade parecida, esteve com seu pai, que recebeu honraria similar em Ponta Grossa. A indicação do título foi da vereadora Franciele Cararo (PSD).

 

Câmara de Irati presta homenagem ao Coronel Osires 

Em Irati, na Câmara Municipal, o Coronel Osires José Gubert recebeu o Título de Cidadão Honorário do Município em Sessão Solene na noite do dia 17 de setembro. A honraria foi proposta pelo vereador Roni Surek e aprovada por unanimidade de votos pelos vereadores. “Este Título – 60% é glória minha, 40% devo aos militares, aqueles que sempre enfrentaram comigo as alegrias e os serviços em prol da comunidade”, disse o homenageado.

 

Programa Escola Sem Partido é derrubado na Alep

Por 27 votos contrários e 21 votos favoráveis o projeto que previa a instituição do Programa Escola Sem Partido no sistema estadual de ensino foi derrubado pela Assembleia Legislativa do Paraná (Alep), nesta segunda-feira (16).  O texto, assinado pelo deputado Ricardo Arruda e pelo hoje deputado federal Felipe Francischini, ambos do PSL, previa que cartazes fossem colocados nas escolas públicas e privadas do Paraná, determinando limites que não poderiam ser ultrapassados pelos educadores para evitar o “doutrinamento” por parte de professores em salas de aula.

Evandro Roman pode ser cassado

Ao oficializar a troca de partido, do PSD pelo Patriota, o deputado federal Evandro Roman teve seu pedido de cassação solicitado pelo diretório nacional do PSD. Roman, que ficou como suplente nas últimas eleições e assumiu uma cadeira no Congresso devido ao fato de Ney Leprevost (PSD) ter se licenciado para ocupar o cargo de Secretario de Estado da Justiça, Trabalho e Direitos Humanos do Paraná, agora poderá ficar sem a vaga.