facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1182 - Já nas bancas!
18/09/2019

Temporal causa destelhamentos, pontos de alagamento e quedas de árvores em Irati

Temporal causa destelhamentos, pontos de alagamento e quedas de árvores em Irati

 

 

O forte temporal com granizo no final desta tarde do dia 18 de setembro de 2019, ocasionou diversos transtornos na cidade e interior de Irati. As principais ocorrências foram destelhamentos de residências, empresas e órgãos públicos. Boa parte da cidade também ficou sem energia e sem sinal de celular.

O Corpo de Bombeiros recebeu comunicados de quedas de árvores que, até este momento, seriam em torno de dez, em vias e residências. Tão logo informado, o efetivo se deslocou até os locais indicados e providenciou o corte destas árvores, cujo material deverá ser removido pela Secretaria de Ecologia e Meio Ambiente.

Alguns pontos de alagamento também foram registrados em razão da forte chuva. O trecho da rua em frente à Magparaná, próxima à Praça Edgard Andrade Gomes, e também proximidades da Copel e Praça da Bandeira foram alguns deles.

Assim que o forte da chuva passou, várias pessoas começaram a chegar ao Corpo de Bombeiros para buscar lona, a fim de cobrir os telhados de residências afetadas. Também foram afetados a Santa Casa, o Agnus Dei, o Hemepar, prédios públicos como as secretarias de Saúde e Educação, e a Feira dos Hortifrutigranjeiros, entre outros.

Entrega de lonas

A falta de energia e de sinais de telefonia prejudicou os serviços iniciais da Defesa Civil. Além da reserva de lona do Corpo de Bombeiros, a Prefeitura, através da Secretaria de Planejamento, levou mais 2.000 metros quadrados de lona que estavam guardados no almoxarifado municipal. Outros 3.000 metros quadrados estão vindo a Irati, provenientes do Quartel de Ponta Grossa.

Ações da Prefeitura de Irati

Até o presente momento, ninguém solicitou abrigo, mas as equipes de atendimento permanecerão em prontidão. Após avaliação da Defesa Civil, o prefeito Jorge Derbli acionou seu secretariado para reunião urgente, convocando todos os funcionários disponíveis para fazer uma limpeza geral e atendimento à população já pela manhã do dia 19. Segundo o prefeito, todas as máquinas e equipamentos com operadores e motoristas deverão estar disponíveis desde cedo pra amenizar a situação.

Estragos em Fernandes Pinheiro

Em Fernandes Pinheiro, foram registrados 30 destelhamentos até o momento. Os prédios da Prefeitura, da Secretaria de Saúde e da Ação Social e da Escola Floresval Ferreira foram parcialmente destelhados. Moradores do interior não tiveram problemas.

Em entrevista a radio Najua a prefeita Cleonice Schuck relatou que um rapaz que conduzia uma motocicleta foi atingido por um galho de árvore e sofreu uma fratura na perna. Ela afirma que o município vai providenciar a reparação dos danos nos telhados e cortar as árvores que caíram com o vento forte nesta quinta-feira, 19. “Até nosso lindo ipê da Praça (da área central) caiu. Ficou menos da metade”. As aulas foram mantidas e serão realizadas normalmente.

Texto: Da Redação/Hoje Centro Sul

 

Galeria de Fotos