facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1164 - Já nas bancas!
06/09/2019

Política em Questão - Por Letícia Torres e Ciro Ivatiuk

Política em Questão - Por Letícia Torres e Ciro Ivatiuk

Manejo sustentável de araucárias  

Regras para o manejo sustentável de araucárias no Paraná  foram propostas pelo deputado estadual Emerson Bacil (PSL), no projeto de lei 537/2019, apresentado em julho deste ano. Na segunda-feira (02), ocorreu uma audiência pública sobre o tema no plenarinho da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep). Dentre outras coisas, o projeto define, em seu artigo 3º, parágrafo 4º, que com o manejo sustentável será permitido em áreas de araucária: o plantio da erva-mate nas áreas de reserva legal; desenvolvimento da atividade de apicultura; propiciar o desenvolvimento de pesquisas; criação de tanques para o desenvolvimento da atividade da piscicultura.  O deputado Artagão Júnior (PSB) comentou a necessidade de se criar uma legislação específica para conciliar preservação e renda. “Parabenizo o deputado Bacil, proponente dessa audiência. É preciso debater para chegarmos a um denominador comum. Também é preciso sair da cadeira e visitar o interior; visitar o pequeno produtor, que muitas vezes está com o sítio inutilizado por conta de legislações que impedem até a capacidade de autossustento. Isso tudo precisa ser enfrentado para que a gente possa conciliar a lei, a preservação ambiental, e a preservação da vida humana, que é o que no final mais interessa”, disse Artagão Júnior. Participaram da audiência representantes da Secretaria de Estado da Agricultura, Ministério Público, IBAMA, IAP, IPARDES, EMBRAPA, Emater e Adapar

Sandro Alex vai ao gabinete do Artagão Júnior 

Nesta terça-feira (3), o deputado Artagão Júnior (PSB) recebeu no gabinete o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex (PSD). Prefeitos da base do deputado aproveitaram o momento para reforçar demandas de seus respectivos municípios. Havia uma agenda com o prefeito em exercício de Irati, Amilton Komnitski (PSD), que não pode comparecer devido a outros compromissos.

Bartoski esteve na Secretaria de Infraestrutura

Na última Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Irati, o vereador Nivaldo Bartoski (PSDB) vez uso da palavra livre e comentou que, na semana passada, no dia 28, esteve em Curitiba, na Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (SEIL), junto com o secretário de Viação e Serviços Rurais de Irati, Anselmo Stadykoski. Eles fizeram solicitações melhorias para o município ao diretor geral da secretaria, Jose Neto Brustolin, pois o secretário, Sandro Alex, teve que cumprir outra agenda no momento. O vereador Marcelo Rodrigues (PP) pediu um aparte na fala de Bartoski e elogiou  Sandro Alex que, enquanto deputado federal, destinou recursos  para a esgoto no bairro.  Roni Surek (PROS) também pediu um aparte e comentou que a SEIL é umas das secretarias mais importantes do governo do estado. Elogiou a ida do vereador a Curitiba e falou de sua proposição de conceder o Sandro Alex o título de Cidadão Honorário de Irati, enfatizando a luta do deputado em defesa dos fumicultores e da Unicentro.

SAMU Regional 

O prefeito municipal de Ponta Grossa e presidente do Consórcio Intermunicipal do SAMU (CimSamu), Marcelo Rangel, recebeu representantes de várias cidades para a assinar a abertura de licitação para contratar a empresa que administrará a equipe técnica do SAMU Regional. O valor da licitação é de R$ 30 milhões. Irati é uma das cidades que recebeu ambulâncias do Ministério da Saúde e os veículos estão prontos para começar a rodar e realizar os atendimentos. O chefe da 4ª Regional de Saúde e a secretária municipal de saúde Irati participaram do evento.

 

O ridículo 3º turno do DataFolha

A pesquisa do DataFolha dando Haddad (PT) à frente de Bolsonaro (PSL) num terceiro turno inexistente na eleição só ridiculariza o instituto de pesquisas. A próxima eleição presidencial está marcada para daqui a três anos e quatro meses.