facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1141 - Já nas bancas!
06/06/2019

Política em Questão - Por Letícia Torres e Ciro Ivatiuk

Política em Questão - Por Letícia Torres e Ciro Ivatiuk

Ratinho Júnior pretende vir a Irati nesta sexta 

Nesta semana, o governador Ratinho Júnior (PSD) deverá vir a Irati pela primeira vez desde que assumiu o comando do Estado. A agenda é para a próxima sexta-feira (07) à tarde, às 14 horas, e não faltam obras e projetos para que o governador autorize tanto para Irati como para os municípios da região. O secretário de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex (PSD) acompanhará o governador na visita. 

Apoio para o atendimento em saúde

O deputado Artagão Júnior acompanhou o governador Ratinho Junior e o secretário Beto Preto nesta segunda-feira (3), durante a liberação de recursos de incentivo para 19 consórcios intermunicipais de Saúde, dentre eles o da nossa região, o CIS/Amcespar. Os benefícios somam mais de R$ 20 milhões e vão chegar a 335 municípios.“Os prefeitos têm encontrado no Governo do Estado aquilo que é necessário. Sabemos que o governo federal precisa participar mais, respondendo com um percentual muito maior do que já é feito. Mas certamente estes aditivos assinados hoje dão a tranquilidade e a sustentação para que os nossos consórcios possam continuar fazendo a boa diferença no atendimento de saúde dos nossos municípios”, disse o deputado Artagão Júnior.

Bolsonaro e Gentili 

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) participou dotalk show The Noite, comandado por Danilo Gentili no SBT na quinta-feira da semana passada, dia 30. Além deabordar temas sérios, como a reforma da previdência, Gentili com a perspicácia e o humor que lhe são peculiares conduziu o presidente a literalmente se expor.  Bolsonaro mostrou a barriga, com as enormes cicatrizes das cirurgias que teve de fazer devido à facada que o atingiu na campanha, se emocionou ao falar sobre o que muda ao ver-se perto da morte e disse que confia no trabalho do ministro Sergio Moro na investigação do caso. Também comentou o “peso” de ser presidente, que além da enorme responsabilidade que o cargo impõe, ainda faz com que, nas palavras de Bolsonaro, se viva em “prisão domiciliar, sem tornozeleira eletrônica”. Isso porque a rotina de proteção ao presidente faz com que a vida comum seja impossível, o que leva o ocupante do cargo a ficar mais em casa.  

Com o gás total

Depois de um tempo longe do cargo para tratar de questões de saúde, a prefeita de Fernandes Pinheiro, Cleonice Schuck (PSB) voltou com o gás total. Nem mesmo as fortes chuvas fizeram com que a inauguração do Creas do município fosse adiada na semana passada. E nesta semana, na terça-feira (04) ela já está viajando em busca de mais recursos para obras e projetos para o município.

Ações emergenciais 

A preocupação em fazer os reparos emergenciais nas estradas rurais afetadas pelas fortes chuvas da semana passada motivou o prefeito de Teixeira Soares, Lula Thomaz (PSB) a convocar uma reunião com os secretários ainda no sábado (01). Na ocasião, foi feita uma avaliação dos problemas e definidos os trabalhos que já iniciaram na segunda-feira (03). Lula Thomaz também entrou em contato com o presidente da Amcespar, Junior Benato (PSD) e propôs para que os municípios da região busquem apoio estadual paraa recuperação das estradas rurais.