facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1164 - Já nas bancas!
18/04/2019

Campanha de vacinação contra febre amarela é intensificada em Irati

Campanha de vacinação contra febre amarela é intensificada em Irati

A Vigilância Epidemiológica realizou na última terça-feira (09) uma reunião com o objetivo de intensificar as ações da campanha contra a febre amarela nas unidades de saúde de Irati.

A intensificação é devido ao fato de um macaco ter sido encontrado morto no município de Castro, por febre amarela, na última semana de março. O governo do estado do Paraná fez um estudo de projeção do vírus – considerando a situação do estado de São Paulo.

Pelos cálculos, o vírus se movimenta cerca de 3 quilômetros por dia com os macacos e, nesta estimativa, até setembro estará na cidade de Irati. “Estamos fazendo uma intensificação porque estamos com iminência de ter casos de febre amarela. Como temos esse prazo curto, estamos fazendo para garantir a imunidade”, disse Denise Homiak Fernandes, enfermeira da Vigilância Epidemiológica de Irati.

Até então, a vacina era oferecida apenas uma vez por semana, em diferentes dias. Com a intensificação da campanha, a vacina estará disponível todos os dias nas unidades de saúde Adhmar Vieira de Araújo,  Rio Bonito e Vila São João, além da sede da Secretaria de Saúde. Segundo dados da Vigilância Epidemiológica, Irati possui cerca de 13 mil pessoas que estão na faixa etária da vacina, que é de crianças a partir dos 9 meses e adultos até os 59 anos. “A população vai poder se deslocara a essas salas em qualquer dia da semana para estar recebendo a vacina. A dose é única, sendo assim será necessário tomar apenas uma vez na vida”, disse.

Denise conta que no interior será feita a conferência das carteirinhas e a orientação para a população até o dia 30 de abril. A partir do dia 01 de maio será feita a avaliação para identificar quem não realizou a vacina até o final de abril, a partir disso, a conferência de carteirinhas será feita nas casas para aplicar a vacina em quem ainda não tomou. “Na reunião foi passado que temos até o dia 15 de maio para vacinar todas as pessoas que não tem essa dose de febre amarela”, disse.

Denise conta que existe há a necessidade de se tomar a vacina 10 dias antes de se fazer uma viagem, devido ao tempo que o organismo leva para adquirir imunidade. “Não adianta tomar a vacina hoje e amanhã entrar na floresta, não fará efeito, visto que se você adquirir o vírus nesse período que esta sendo imunizado, ficará doente por febre amarela como se não tivesse tomado a vacina, o objetivo de não ficar doente já perdeu”, disse.

Transmissão

O vírus da febre amarela é transmitido através do mosquito Aedes Aegypti. A febre amarela apresenta dois ciclos sendo o silvestre e o urbano. No ciclo silvestre, o macaco está infectado com o vírus, o mosquito pica o macaco e após ser contaminado, ele pica um humano, transmitindo o vírus. Já no ciclo urbano, o mosquito pica um humano infectado e em seguida um humano saudável, fazendo a transmissão do vírus. As primeiras pessoas sujeitas a pegar o vírus são as que residem em áreas rurais, por ter um contato maior com as matas.

Os macacos não transmitem a doença direto para humanos, ao contrário do mosquito, que serve como transmissor do vírus ao ser humano. No entanto, o macaco serve para sinalizar onde o vírus está circulando. Se um macaco morre e o vírus é identificado, isso significa que aquela área possui circulação de vírus.

A letalidade da febre amarela chega a 50% de chance de ir a óbito. Depois de contaminado o tratamento para a doença é feito de acordo com o quadro clínico. A febre amarela causa alterações no fígado, por esse motivo a coloração da pele se torna amarela além de febre alta.

Quem pode tomar vacina?

A vacina é indicada para crianças a partir dos 9 meses e adultos até os 59 anos. Para gestantes, mulheres que amamentam, crianças até 9 meses de idade, adultos maiores de 60 anos, pessoas com alergia grave a ovo ou imunodeprimidos, a recomendação é que só sejam vacinados com a avaliação de um profissional de saúde.

Onde tem vacina?

Em Irati, a vacina estará disponível todos os dias nas unidades de saúde Adhmar Vieira de Araújo,  Rio Bonito e Vila São João, além da sede da Secretaria de Saúde.

Texto: Da Redação/ Hoje Centro Sul

Foto: Jonas Stefanechen/Hoje Centro Sul