facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1119 - Já nas bancas!
22/02/2019

Desenhista autodidata se destaca em Irati

A perfeição dos detalhes e o realismo chamam a atenção nos desenhos feitos por Mariana Parteka, de 15 anos. Ela nunca fez curso de desenho, mas consegue retratar com precisão pessoas, animais e objetos

Desenhista autodidata se destaca em Irati

Mariana Parteka, 15 anos, é desenhista autodidata ereside em Iraticom os pais,no bairro Engenheiro Gutierrez. Seus desenhos chamam a atenção pela perfeição de detalhes, mesmo sem Mariana ter feito qualquer tipo de curso. Os desenhos se caracterizam pelo realismo, que busca retratar com perfeição pessoas e objetos.

A técnica utilizada é o sombreado, que ao criar sombra e representar a luz e a escuridão de algo em um desenho, dá textura à figura ou imagem.

Mariana conta que os desenhos sempre estiveram presentes em sua vida. Já o realismo começou a fazer parte há dois anos. “Gostava muito de desenhar desde criança, sempre desenhava. Eram desenhos simples, normais. Aí eu resolvi que queria continuar. Há dois anos comecei a procurar por artistas de realismo na internet que me trouxeram inspiração, como Pedro Lopez e outros”, conta.

Redes sociais

Mariana conta ter entrado em contato com alguns artistas que lhe trazem inspiração, através das redes sociais, e teve um retorno inesperado. “Eu vi que o Evaristo Costa estava respondendo algumas pessoas, porque eu o sigo [no Twitter]. Eu entrei e tuitei:‘Evaristo se eu te desenhar você posta no seu perfil?’. Ele respondeu depois de uns cinco minutos: ‘Eu publico’. Eu respondi: ‘Beleza, amanhã ou daqui alguns dias eu posto’. No outro dia eu fiz e já postei. Daí ele curtiu noTwitter, e postou no story do Instagram e comentou. A emoção foi muito grande, não estava acreditando, estava quase dando pulos. Algumas atrizes também que eu desenhei curtiram minhas publicações”, comentou.

Com o destaque, Mariana consegue comercializar seus desenhos. Ela conta que suas encomendas são cobradas de acordo com o que é pedido. “As encomendas eu geralmente cobro por tamanho, se é preto e branco ou colorido, depende da foto. Não por dificuldade, acredito que consigo fazer quase tudo”, conta.

Colégio

Na escola, o desempenho muito acima da média de Mariana também chama atenção. Nos últimos três anos seus boletins tiveram a nota máxima em todas as matérias no Colégio Estadual Trajano Grácia, onde estuda. Ela comenta que os desenhos a ajudaram a melhorar as notas, entretanto ser nota dez em tudo gera desconfiança das pessoas. “Na vida pessoal, os desenhos ajudaram muito, na escola principalmente, começa a se esforçar de um lado e isso influência o outro. No cinema, certo dia que apresentei a carteirinha de estudante para receber o desconto, a moça desconfiou ser falsificada por todas as notas serem máximas”, explica.

Os pais

Os pais Marli e ÂngeloParteka explicam como foi o desenvolvimento da filha durante os anos. Marli recorda um dos primeiros desenhos e a evolução.“O desenho que ficou muito bom foi da irmã dela, que foi um dos primeiros quando ela começou, e foi tentando e melhorando e cada vez ficando melhor. Isso de três anos atrás”, relatou.

Ângelo diz que ele e a esposa darão todo o apoio possível se isso for o que a filha desejar para o futuro. “Estamos sempre apoiando e mais tarde se ela quiser isso para o futuro dela, vamos dar o maior apoio. Agora é só um começo, ela está aprendendo. Estamos recebendo bastante apoio de pessoas de fora, que têm mais conhecimento, bastante dica.Falei para ela:‘Vai aprendendo, uma hora vai desenhar profissional mesmo’. Daí ela vai ver um lugar que ela quiser ir e nós vamos dar uma força boa’”, explica.

Quem tiver interesse nas encomendas basta entrar em contato com Mariana Parteka através da sua página no Facebook(https://www.facebook.com/artmarianap) ou Instagram (@art_marianap), também pelo WhatsApp (42) 99872-1252.

Texto: Da Redação/Hoje Centro Sul

Fotos: Jonas Stefanechen/Hoje Centro Sul

Reprodução/Facebook

 

 

 

 

Galeria de Fotos