facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1135 - Já nas bancas!
20/02/2019

Licitação para a construção de 49 casas em Teixeira Soares deve ser concluída em breve

Unidades fazem parte do programa Família Paranaense e são destinadas a moradores de baixa renda da cidade, que não pagarão nada pelos imóveis.

Licitação para a construção de 49 casas em Teixeira Soares deve ser concluída em breve

A vice-prefeita de Teixeira Soares, Juliana Belinoski, esteve nesta segunda-feira (18) na sede da Cohapar, em Curitiba, reunida com o presidente da empresa, Jorge Lange. Os dois conversaram sobre um projeto que prevê a construção de 49 casas no município, cujas obras devem ser iniciadas em breve.

A iniciativa faz parte do programa Família Paranaense e receberá cerca de R$ 2,9 milhões de investimentos obtidos por meio de financiamento do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Os recursos serão utilizados para subsidiar todas as etapas de construção, o que permitirá que o público atendido, formado por famílias carentes, não arque com qualquer custo pelos imóveis.

De acordo com o presidente da Cohapar, o processo está em fase final de licitação para contratação da construtora responsável pela execução do serviço. “Todo o trabalho será fiscalizado pelos técnicos da companhia e da Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho, que coordena o Família Paranaense”, explica Lange.

A perspectiva do início de obras em breve é encarada com otimismo pela gestão municipal, segundo a vice-prefeita. “Estes investimentos vão melhorar a condição de vida de pessoas que pagam aluguel ou vivem em condições precárias e que dificilmente teriam a chance de conquistar uma casa própria se não fosse por este projeto”, afirma Juliana.

Casas rurais

O Governo do Estado e a Prefeitura de Teixeira Soares aguardam ainda uma posição do Governo Federal acerca da liberação de recursos para a construção de 80 casas rurais no município. A documentação das famílias que podem ser beneficiadas pela medida foi coletada pelos órgãos e enviada à União, onde permanece aguardando definições orçamentários do Programa Nacional de Habitação Rural para este ano.

Texto/Foto: Assessoria Cohapar