facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1142 - Já nas bancas!
21/12/2018

Inácio Martins terá fábrica de jeans

O município irá capacitar 80 pessoas para assumirem as vagas que serão disponibilizadas com a abertura da empresa

Inácio Martins terá fábrica de jeans

Uma empresa do ramo têxtil deverá se instalar no ano de 2019 na cidade de Inácio Martins. A previsão é que ela ofereça cerca de 40 novos empregos já no primeiro ano de funcionamento. A expectativa é que em 24 meses, a empresa possa gerar mais 150 novas oportunidades. As atividades devem iniciar em abril de 2019.

A empresa ainda está sendo escolhida pela prefeitura do município. “O município está selecionando uma empresa do ramo têxtil através de concorrência pública, e cederá barracão industrial e equipamentos para a instalação da mesma”, explica Junior Benato, prefeito da cidade.

A empresa a ser escolhida fabricará confecções em jeans. Segundo Benato, a proposta é desenvolver ainda mais a cidade. “Para que seja possível desenvolver o município, se faz necessário dar ênfase à geração de emprego e renda, neste sentido, incentivar a instalação de indústrias é primordial para o crescimento de Inácio Martins”, diz.

Além de empregos diretos, a empresa deve fomentar o comércio local. “Ela também irá impulsionar a economia do município, e as famílias das pessoas que irão trabalhar terão independência financeira, consequentemente contribuirá para a melhoria da qualidade de vida das famílias martinenses”, fala Benato.

Curso

Com o intuito de capacitar os martinenses e obter mão de obra qualificada a prefeitura disponibilizará aos interessados em uma vaga de emprego na empresa um curso de moldagem industrial. “O curso será ministrado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), serão 80 pessoas capacitadas gratuitamente, em quatro turmas de 20 pessoas, para a seleção dos inscritos será realizado teste seletivo”, explica o prefeito.

Benato destaca que a realização do curso não garante o emprego ao participante. “A participação do curso não garante o emprego, pois, a seleção de emprego será realizada diretamente pela empresa que se instalará no município, porém, o curso é requisito obrigatório para ingresso na empresa”, comenta.

Texto: Silmara Andrade