facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1099 - Já nas bancas!
03/12/2018

Editorial - Cultura e esporte fazem parte do ato de educar

Editorial - Cultura e esporte fazem parte do ato de educar

A comunidade escolar da região Centro Sul teve muito a comemorar nos últimos dias, especialmente em Irati e Prudentópolis. Os dois municípios conseguiram ter alunos que se classificaram e venceram campeonatos nacionais.
Em Irati, o campeonato foi na área esportiva. Eduarda Gonçalves da Silva, de 13 anos, foi bicampeã nas Paralimpíadas Escolares disputada em São Paulo neste mês.
Já em Prudentópolis, a premiação foi na área cultural. Alunos da Escola Municipal Coronel José Durski conseguiram vencer a fase nacional do prêmio instituído pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) contra a exploração da mão de obra infantil. Os alunos trabalharam em conjunto fazendo uma música e gravando um clipe que venceu a disputa realizada em Brasília.
As premiações mostram que a região possui uma grande potencialidade. Não é de hoje que encontramos alunos vencendo e se destacando em competições esportivas e culturais. Seja no Haicai, nos Jogos Escolares, nas Fanfarras e tantas outras competições, alunos conseguem participar e representar a região, trazendo muitas conquistas.
No entanto, mesmo com as conquistas, os alunos passam por dificuldades até chegar lá. Muitos precisam percorrer as ruas de seus municípios para conseguir arrecadar algum recurso para transporte, moradia, alimentação ou qualquer outro item necessário.
É fato que o Poder Público ajuda. Há disponibilidade de transporte e outros recursos, mas como os orçamentos das prefeituras são limitados, a ajuda oferecida acaba sendo pouca, especialmente quando há muitos alunos precisando dessa mesma ajuda.
É neste momento que o espírito comunitário precisa aparecer. E ele pode aparecer em forma de patrocínio. No entanto, mesmo com leis de incentivo à cultura e ao esporte, é muito difícil para o artista ou atleta local conseguir recursos para participar de campeonatos. Sem muita visibilidade, o artista ou atleta local, especialmente em idade escolar, fica ofuscado diante de outros nomes famosos que podem dar mais visibilidade ao negócio empresarial.
Cultura e esporte fazem parte do ato de educar. O esporte ensinando disciplina, respeito e responsabilidade. A cultura ajudando com que o aluno consiga usar os conhecimentos adquiridos na escola de forma criativa e inovadora. Investir nesses campos é também investir em educação.
Em suma, é preciso que a comunidade atue sendo comunidade. Seja apoiando, ajudando, investindo e principalmente valorizando talentos que são daqui e que cresceram aqui.