facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1093 - Já nas bancas!
29/10/2018

Obras de casas populares em Mallet chegam a quase 80% de conclusão

Empreendimento é dividido em duas etapas e envolve investimentos de R$ 3,2 milhões em financiados pelo FGTS para a construção de 46 imóveis. Primeira etapa, com 20 unidades, deve ser entregue ainda em 2018.

Obras de casas populares em Mallet chegam a quase 80% de conclusão

Técnicos da Cohapar vistoriaram na quarta-feira (24) o andamento das obras de construção de 46 casas populares em Mallet, na região Centro-Sul do Paraná. As moradias fazem parte de um novo empreendimento habitacional construído pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e o governo federal, e são divididas em duas etapas, com 20 e 26 unidades cada.
As obras estão sendo executadas pela construtora Martins MA, contratada pela Cohapar via processo licitatório pelo critério de menor preço. O empreendimento receberá ao todo R$ 3,2 milhões em recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) financiados pela Caixa Econômica Federal.
O projeto atende famílias com renda de até seis salários mínimos, que pagarão prestações em média de R$ 380 ao mês pela realização do sonho da casa própria. A seleção dos beneficiários aconteceu por meio de processo seletivo com base nas inscrições previamente realizadas pelos interessados no sistema da Cohapar. 
Para participar de futuros projetos habitacionais da companhia no município, é necessário realizar o cadastro completo no site www.cohapar.pr.gov.br/cadastro. É importante que as informações sejam atualizadas ao menos uma vez a cada dois anos, em especial os dados de contato, pois é através deles que a empresa faz a convocação para participação nos projetos. 
 

Expectativa

A expectativa, segundo o chefe do escritório regional da Cohapar Orlando Senff Junior, é de que as primeiras 20 unidades sejam entregues ainda este ano. "Se as condições do clima ajudarem, com uma redução das chuvas, esperamos conseguir entregar as primeiras chaves até dezembro e concluir o projeto como um todo no primeiro semestre de 2019", informa. 

Texto/Foto: Assessoria Cohapar

 

Galeria de Fotos