facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1087 - Já nas bancas!
05/10/2018

Audiência pública dos loteamentos Margarida e Lagoa Dourada será dia 18

Audiência pública dos loteamentos Margarida e Lagoa Dourada será dia 18

A Secretaria Municipal de Arquitetura, Engenharia e Urbanismo, de acordo com as prerrogativas legais das Leis municipais 4228/2016, do Plano Diretor Municipal e Lei Municipal 4234/2018, convida a comunidade iratiense para audiência pública que acontecerá no dia 18 de outubro de 2018, com início às 18h30, nas dependências da Câmara Municipal de Vereadores, situada à Rua Doutor Correia. Na ocasião haverá apresentação dos Estudos de Impacto de Vizinhança (EIV) dos seguintes empreendimentos:
Loteamento Lagoa Dourada - processo em trâmite na Prefeitura, com área de 87.847,00 m², com 183 lotes projetados, entre as Avenidas Noé Rebesco e Avenida Getúlio Vargas.
Loteamento Margarida - processo em trâmite na Prefeitura, com área de 60.852,25m², com 103 lotes, localizado entre as Ruas José Jornalista da Silva e BR 153.
A partir do dia 03 de outubro de 2018, os documentos estarão disponibilizados no site da Prefeitura, em www.irati.pr.gov.br , para consulta e download.
Estudo visa cidade sustentável sem abrir mão de empreendimentos
O EIV é um importante instrumento para a qualidade de vida nas cidades. A elaboração deste estudo contribui para a conciliação entre o interesse de empreender e o direito a uma cidade sustentável, para as pessoas que moram, trabalham ou transitam nas imediações do eventual futuro empreendimento.
Toda construção, conforme sua localização, porte e natureza de atividade, trazem alterações no uso e ocupação da área urbana e geralmente acarretam impactos positivos e negativos para quem esteja nas redondezas, podendo interferir diretamente na dinâmica da cidade.
A adequada avaliação destes impactos (ambientais e urbanísticos) e a proposta de medidas atenuadoras e compensatórias são fundamentais para colaborar com o sucesso do empreendimento, pois preveem riscos futuros e possíveis conflitos com a vizinhança.
O Estatuto da Cidade (Lei Federal nº 10.257/2001, estabelece que os municípios devem utilizar este instrumento de política urbana. Em Irati, o EIV está previsto no Plano Diretor Municipal.

Texto: Assessoria PMI