facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1062 - Já nas bancas!
04/07/2018

São Matheus tem pré-candidato a deputado estadual

radialista, empresário e advogado Emerson Bacil deve representar São Mateus do Sul em candidatura a deputado estadual

São Matheus tem pré-candidato a deputado estadual

São Mateus do Sul já tem um pré-candidato a uma das vagas de deputado estadual. O radialista, advogado e empresário Emerson Bacil representará a cidade pelo Partido Social Liberal (PSL) na disputa eleitoral. O candidato acredita que é necessário um representante da região atuando ativamente na Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP). “Precisamos realmente ter um representante que pense, que fala e que saiba daqui; não só de São Mateus, mas também de nossa região. São Mateus do Sul e região são carentes de representatividade na questão legislativa”, afirma.

Para o candidato, a região precisa de deputados que saiam diretamente da região.  “Há muito tempo que surgem candidatos de outras regiões pedindo votos, de quatro em quatro anos, e que somem durante as legislaturas”, diz.

O pré-candidatodeclara ser contra a reeleição, pois acredita que serve aos interesses de quem se perpetua no poder, sem contribuição com a sociedade. Ele defende que ser político é cargo eletivo, não carreira profissional. “É algo que nos envergonha quando sabemos que pessoas se aposentam como políticos. Na verdade, eles não são,eles apenas estão como políticos”, avalia.

O advogado foi presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e recusou a reeleição por ser contrário a essa prática.

Emerson destaca que a indignação com o atual cenário político e a falta de candidatos interessados em representar a cidade o fez tomar a decisão de se candidatar. “Estou indignado com as promessas feitas e não cumpridas, com o mando e desmando que estão fazendo na ALEP com nosso dinheiro, nosso voto e com o que nós demos de direito a pessoas que não estão nos representando”, comenta Bacil.

O pai de Emerson,Olisses Bacil foi prefeito de São João do Triunfo em dois mandatos. Olisses faleceu no começo de abril, logo após Emerson decidir pela candidatura.  O ex-prefeito deixou sua benção para que o filho siga a vida política.

Para decidir pela pré-candidatura Emerson pesquisou e observou o eleitorado e constatou que há apoio para uma candidatura local, visto que várias dessas pessoas afirmaram que não pretendem mais votar em candidatos de fora, que não representam a região. “Quero ser um representante da nossa região, não apenas para subir em palanque em dia de evento e tirar fotos, andar de helicóptero por aí e nunca mais ser visto. Resido, almoço, vivo e convivo aqui na nossa região. Não só em São Mateus. Temos um alcance muito bom do nosso trabalho. São pelo menos mais dez municípios aqui. Tem que centralizar bem, mas temos que saber que a região, como um todo é formada, só a Amsulpar, de nove municípios. E ainda temos a Amcespar. Essa região [a junção das duas associações de municípios] que precisa ser fortalecida”, finaliza.

O pré-candidato finaliza destacando que um deputado precisa honesto e sensível a população para fazer uma boa política.  “O político precisa ter princípios, ser uma pessoa séria para trabalhar com o dinheiro da população, ser transparente, honesto e que realmente seja sensível às causas populares, sociais e que combata a antiga e velha política ou, por que não, a politicagem que aqui está”, conclui.

Texto: Redação/Hoje Centro Sul

Foto: Divulgação