facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1093 - Já nas bancas!
18/06/2018

Comerciantes esperam que as vendas melhorem após primeiros jogos da Seleção Brasileira

A Copa do Mundo começou nesta semana, mas os brasileiros não demonstram a mesma animação de anos anteriores. Comerciantes ainda tem expectativa que, com o andamento do campeonato, a empolgação volte e ajude nas vendas

Comerciantes esperam que as vendas melhorem após primeiros jogos da Seleção Brasileira

A Copa do Mundo começou nesta quinta-feira (14) na Rússia, mas nas ruas de Irati, o clima para uma das datas esportivas mais importantes no calendário nacional ainda é tímido. As decorações em verde e amarelo começaram a aparecer aos poucos nas vitrines de lojas, que tentam chamar a atenção da população.

O desinteresse em relação ao mundial também é visto em outras partes do país. Segundo uma pesquisa feita pelo Datafolha, o torcedor está um pouco desanimado desde a última Copa do Mundo, quando o Brasil foi derrotado pela Alemanha, por 7x1, episódio difícil para o brasileiro esquecer.

A pesquisa ouviu 2.824 pessoas em 174 municípios, e foi divulgada na última terça-feira, dia 12.Segundo o levantamento de dados, 53% dos brasileiros afirmaram não ter interesse nenhum pela Copa e 48% das pessoas acreditam que o Brasil possa ser o campeão.

Comércio

Mesmo com todo o incentivo da mídia brasileira, os torcedores ainda não se empolgaram em comprar itens verde e amarelo. Será que o cenário vai mudar? Para os comerciantes, isso dependerá da atuação do time durante o mundial.

Os empresários contam que a procura por itens verde e amarelo ainda é baixa. “Começaram a procurar essa semana, por enquanto está devagar, mas o pessoal já está se animando. Provavelmente semana que vem já começa aumentar a procura pelos itens. O brasileiro sempre deixa para a última hora”, brinca o empresário Sandro Poli, proprietário de uma loja de acessórios em Irati.

Proprietária de uma loja de artigos esportivos em Irati, Rita Zanoniconta que está empolgada com a Copa e já percebe que o público começou a se animar para o mundial. “Essa última semana deu uma esquentada boa nas vendas, até no começo, quando começamos a adquirir os produtos, foi um pouco parado porque pegou bem aquela semana das paralisações, mas na outra semana, já começou a dar uma aquecida, uma esquentadinha boa”, diz.

A empresária comenta que os torcedores ainda estão com medo de comprar, mas já estão pesquisando os preços para poderem assistir os jogos uniformizados, de verde e amarelo. “As pessoas estão vindo dar uma olhadinha no preço, condições de pagamento, mas estamos preparados. Somos brasileiros, temos acima de tudo que acreditar, pois é o país onde se vive, é o chão onde se pisa,por isso temos que acreditar sempre”, argumenta.

Sandro conta que notou nitidamente a diferença na expectativa do torcedor de uma Copa para a outra. “O povo brasileiro está bem menos empolgado. A Copapassada, por mais que perderam, estava vendendo bem mais. Eu acho que é porque a Copa era no Brasil, mas depois do 7x1 ficaram meio desacreditados”, fala.

Apesar de notar a expectativa negativa do torcedor, ele também acredita que basta o jogos começarem para isso mude.“O Brasil ganhando o primeiro jogo, as pessoas se animam. O pessoal já está começando a se animar, já estão procurando bandeiras de todos os tamanhos e cornetas”, comenta Sandro.

Já Rita não consegue ver tanta diferença na expectativa dos torcedores de uma Copa para a outra. Ela relembra que no mesmo período, em 2014, a cidade de Irati tinha passado por uma grande enchente. “Na Copa passada tivemos outra turbulência, porque na Copa passada nós estávamos saindo da enchente. Só no dia da abertura da Copa que conseguimos abrir a loja. Depois da enchente, ficamos com meio metro de água dentro da loja”, relembra.

Para ela, a Copa passada, mesmo depois da enchente, foi muito empolgante e esperada. “Eu acho que foi empolgante por ser no Brasil. Acho que a procura era maior, agora isso muda um pouco, está mais devagar que a Copa passada. Eu lembro que quando abrimos -que conseguimos limpar um pouco e abrir - a população veio, participou. O movimento foi bem maior, talvez por ter sido no Brasil”, diz.

O torcedor desanimou?

Depois do 7x1 parece que muitos torcedores estão com medo de ligar as suas televisões e presenciar de novo o vexame brasileiro da Copa passada. Alguns até trocaram de televisão com medo de dar “zica” supostamente contida no aparelho.  Outros preferiram não marcar churrasco no horário do jogo, e acreditam que, se for para passar raiva,é melhor passar sozinho.

Juliano Amaral é apaixonado por futebol, mas esse ano demonstrou estar um pouco decepcionado com o futebol brasileiro. “A Copa passada foi muito esperada. Eu comprei camiseta da Seleção, fiz churrasco para receber os amigos. Aquela Copa deveria ser nossa, ela era aqui no nosso Brasil. Mas, durante o jogo da Alemanha, fomos pegos de surpresa por um gol, aí piscávamos, aparecia outro gol, chegou uma hora que desliguei a televisão e mandei todo mundo ir para casa. Foi uma decepção”, explica Juliano em tom de brincadeira.

O torcedor ainda destaca que esse ano vai esperar o Brasil surpreender para começar os churrascos e torcer de verdade.

Apesar de muitas pessoas estarem apenas “decepcionadas” com o Brasil, outras acreditam que a Copa do Mundo não faça diferença alguma em suas vidas. “Pra mim não faz diferença nenhuma ter uma Copa ou não. Eu não gosto de futebol e acredito que no Brasil muitas coisas precisam ser melhoradas antes de se investir tanto dinheiro em futebol. Por mim, a gente não iria para a Copa, a gente gastava todo esse dinheiro em educação e saúde”, argumenta Edilaine Duda.

Abertura da Copa

Com uma cerimônia de 30 minutos, a abertura da Copa do Mundo na Rússia contou com uma apresentação do cantor inglês Robbie Williams e a soprano russa Ainda Garifullina.

A cerimônia contou com um vídeo de apresentação,em que pontos turísticos e estádios do Mundial foram mostrados enquanto um menino conduzia uma bola pelas ruas de Moscou. A bola guiada pela criança, aliás, caiu de uma estação espacial, ressaltando um dos maiores orgulhos do país-sede do torneio.Depois de o menino russo chegar ao palco da abertura em Moscou e entrar em campo com Ronaldo Nazário, Robbie Williams iniciou a apresentação sozinho, cantando 'Let Me Entertain You', um dos seus maiores sucessos.

O momento musical antecedeu os discursos do presidente da Rússia, Vladimir Putin, e de Gianni Infantino, mandatário da Fifa. Logo após a abertura, às 12h, iniciou o primeiro jogo do mundial, onde Rússia ganhou de goleada da Arábia Saudita, com 5 gols a 0.

Horário diferente

Com uma diferença de seis horas, os jogos do Brasil na Copa do Mundo vão modificar o funcionamento em alguns estabelecimentos em Irati.

Nas lojas, a Associação Comercial de Irati (Aciai) informa que cada empresa decidirá se abre ou não seu estabelecimento durante os jogos da Seleção. Já a associação informou que o horário de atendimento da Aciai será interrompido apenas nos horários dos jogos.

Os bancos também terão horários diferenciados de atendimento. O Banco Bradesco informou que quando houver jogos pela manhã, às 9h, atenderá das 13h às 17h, já com jogos que caiam no horário das 11h, o atendimento será das 8h30 às 10h30. Nos jogos às 15h, o atendimento será das 9h às 13h.

O Banco Itaú também terá horário diferenciado, atendendo no dia 22, das 13h às 17h, e no dia 27, das 9h às 13h. Banco do Brasil e Caixa também deverão ter horários de atendimento diferentes, mas ainda não divulgaram.

O atendimento da prefeitura de Irati também foi alterado pelo decreto 159/2018 que determinou que nos dias úteis em que houver partidas de futebol com o Brasil, na Copa do Mundo FIFA 2018, em caráter excepcional, o horário de expediente obedecerá ao seguinte critério:

Para os jogos realizados às 09h, o expediente se limitará ao período da tarde, das 13h às 17h30. Jogos realizados às 11h, o expediente será das 8h às 10h30, e das 14h às 17h30. Quando os jogos acontecerem às 15h, o horário de atendimento será na parte da manhã, das 8h às 12h.

Já as aulas na rede municipal não deverão sofrer alterações porque o calendário escolar 2018 já está atrasado e até mesmo com programação de reposição de aulas que acabaram não acontecendo durante a paralisação de protesto que aconteceu há alguns dias atrás.

Confira os jogos da Seleção Brasileira

Fase de Grupos

1ª Rodada: Brasil X Suíça – Domingo (16) – 15h

2ª Rodada: Brasil X Costa Rica – Sexta-feira (22) – 9h

3ª Rodada: Brasil X Sérvia – Quarta-feira (27) – 15h

Texto: Silmara Andrade/Hoje Centro Sul

Foto: Karin Franco/Hoje Centro Sul

Galeria de Fotos