facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1080 - Já nas bancas!
26/01/2018

Escolas da região aderem ao Programa Escola Conectada

Escolas da região aderem ao Programa Escola Conectada

O secretário-chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni, esteve na região CentroSul na sexta-feira (19) e se reuniu com diretores de escola do Núcleo Regional de Educação de Irati. Foram realizadas duas reuniões, uma em Prudentópolis e uma em Irati.

Um dos assuntos abordados em ambas as reuniões foi o programa Escola Conectada, que ainda deverá ser lançado em Curitiba pelo Governo Estadual. O programa visa modernizar os laboratórios de informática, com a aquisição de novos computadores, e também melhorar a conexão de internet das instituições, através da fibra ótica. “Estamos lançando o programa Escola Conectada que nós vamos investir R$ 273 milhões. Nós vamos mudar a realidade tecnológica das escolas”, conta o chefe da Casa Civil.

Em Irati, diretores das escolas que compõem o Núcleo Regional de Educação de Irati assinaram o termo de adesão ao Programa Escola Conectada durante a reunião.

Nas reuniões, escolas de Prudentópolis e Irati também receberam computadores adquiridos através de uma emenda parlamentar de Rossoni, que também é deputado federal.

De acordo com a chefe do Núcleo Regional de Educação de Irati, Marisa Massa Lucas, o investimento em tecnologia é essencial no cotidiano escolar. “Estamos em uma era tecnológica, nós temos que renovar as nossas escolas e claro temos que dar um apoio àquelas crianças que não tem acesso à tecnologia, fazer tudo para que se desenvolvam também”, comenta.

O prefeito de Prudentópolis, Adelmo Klossowski, destaca a importância dos investimentos. “Como nós sempre comentamos, a saída para um país melhor, um Brasil melhor, é a educação, uma educação de qualidade, não só no ser humano, mas também nos equipamentos, na infraestrutura, então são projetos de fundamental importância”, diz.

Apaes

Ainda nas reuniões, foi anunciado investimento para as Apaesde todo o Paraná. Cerca de 200 Apaes irão receber R$100 milcada uma do Governo Estadual. “Não é obrigação do governo, mas encontramos uma forma jurídica para dar essa atenção a esse voluntariado, num serviço tão importante para a nossa comunidade e para as pessoas que precisam”, disse Rossoni.

Presenças

Além de do secretário e dos diretores de escolas, as reuniões também foram acompanhadas pelo secretário estadual da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos, deputado estadual Artagão Júnior, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ademar Traiano, e o deputado estadual Bernardo Carli, assim como pelos prefeitos de ambos os munícipios, de Prudentópolis, Adelmo Klossowski e de Irati, Jorge Derbli.

Colégios estaduais que estão no programa Escola Conectada:

C.E. Getúlio Vargas – Fernandes Pinheiro

C.E. Francisco Ramos – Guaramiranga;

E.E. Antônio Lopes Júnior – Irati;

Ceebja Irati - Irati;

C.E. Costa e Silva – Irati;

C.E. João XXIII – Irati;

E.E. Nossa Senhora das Graças – Irati;

C.E. São Vicente de Paulo – Irati;

C.E Trajano Garcia – Irati;

E.E. Fernando Moreira – Mallet;

E.E. Nicolau Copérnico – Mallet;

C.E. Alberto de Carvalho – Prudentópolis;

C.E. Vila Nova – Prudentópolis;

C.E. Padre CristoforoMyskiv – Prudentópolis;

C.E. Dr. Afonso A. De Camargo – Rio Azul.

Escola Conectada

O programa tem o objetivo de recuperar a rede de informática das escolas, melhorando o cabeamento para conexão à internet, através da fibra ótica e investimento na estrutura dos laboratórios de informática, com aquisição de computadores.

A previsão é que o programa seja lançado ainda em fevereiro, mas os primeiros computadores que já foram licitados deverão ser entregues em março.

Segundo o Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional (Fundepar), os professores deverão receber um notebook já no lançamento do projeto em Curitiba. Entre as ações do programa estão os laboratórios móveis que serão compostos por um carrinho que acomoda 32 netbooks. As atividades nos netbooks serão monitoradas pelos professores que poderão orientar as atividades dos alunos.

A previsão é que mais de 2100 escolas sejam atendidas no estado. A quantidade de investimentos e computadores também dependerá do porte de cada escola.

Texto: Da Redação/Hoje Centro Sul

Fotos: Ciro Ivatiuk/Hoje Centro Sul e Silmara Andrade/Hoje Centro Sul

Galeria de Fotos