facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1099 - Já nas bancas!
21/12/2017

Política em Questão - Por Letícia Torres e Ciro Ivatiuk

Política em Questão - Por Letícia Torres e Ciro Ivatiuk

Richa fecha questão com o PP

Os integrantes do Partido Progressista (PP) confirmaram nesta segunda-feira (18) o apoio a Beto Richa (PSDB) ao Senado em 2018. Isto poderia confirmar o apoio de Richa a Cida Borghetti na disputa para governadora ou vice.

“Temos uma grande parceria com o governador desde a primeira campanha a prefeito de Curitiba. E reforçamos aqui o nosso apoio ao nome de Beto Richa ao Senado no ano que vem”, afirmou o presidente dos Progressistas, deputado federal Dilceu Sperafico.O governador Beto Richa participou do evento.

Paraná tem vices para todos os gostos e estilos

Embora os candidatos ao governo do Paraná ainda não estejam definidos, Ratinho Júnior (PSD) e Cida Borghetti (PP) costuram acordos, cobiçam aliados e montam seus times. Em comum, os dois têm uma oferta generosa de vices. São muitos e, a cada semana, surgem novos postulantes ao cargo.

Possíveis vices do PSDB

O secretário-chefe da Casa Civil do governo Beto Richa (PSDB), Valdir Rossoni, só deve disputar uma reeleição à Câmara dos Deputados por força das circunstâncias. Ele não esconde o desejo de compor alguma chapa como candidato a vice-governador e garante ser reforço de peso para qualquer candidato. No mesmo partido, o prefeito de Assis Chateaubriand e presidente da Associação dos Municípios do Paraná (AMP), Marcel Micheletto (PSDB), faz campanha como vice desde a metade do ano passado.  O prefeito de Ponta Grossa, Marcelo Rangel (PSDB), também estaria no jogo para completar uma chapa majoritária.

Outros vices

No PSD de Ratinho Júnior já teria descartado qualquer possibilidade do ex-deputado federal Eduardo Sciarra (PSD) em sua chapa. Uma chapa pura, no atual cenário, é vista como inviável para as pretensões de Ratinho. O presidente da Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), Edson Campagnollo (PRB) também busca uma colocação como vice. Campagnollo porém está meio desacreditado dentro do próprio universo dos empresários, visto que havia afirmado durante a campanha à FIEP que não seria picado pelo mosquito da politica do outro lado.

Ala do PMDB

No PMDB, o senador Roberto Requião e o seu filho, o deputado estadual Maurício Requião, trabalham por uma aliança com Osmar Dias (PDT) em um cenário no qual Maurício apareça como vice. Nos últimos dias, falou-se até da possibilidade do ex-presidente da Itaipu, Jorge Samek compor uma chapa PDT e PMDB.

Inácio Martins

Em Inácio Martins, a equipe da Secretaria Municipal de Educação e prefeito  Júnior Benato (PSD) visitaram todas as escolas municipais e estaduais agradecendo pela participação de todos no desfile comemorativo aos 57 anos de nossa cidade.
Recesso

Em Inácio Martins, o recesso compreenderá a semana entre o Natal e o Ano Novo. Não haverá expediente nos dias 26, 27, 28 e 29 de dezembro. O atendimento volta ao normal no dia 2 de janeiro de 2018. Não haverá recesso para serviços essenciais, como a saúde e a limpeza urbana. Nesses casos, os secretários estão autorizados a determinarem as escalas de revezamento dos servidores para manter os serviços ininterruptos.