facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1010 - Já nas bancas!
27/11/2017

Richa autoriza nova ponte no Rio Iguaçu, em União da Vitória

Richa autoriza nova ponte no Rio Iguaçu, em União da Vitória

O governador Beto Richa confirmou nesta quarta-feira (22) a construção de uma nova ponte sobre o rio Iguaçu, em União da Vitória. Durante encontro com prefeitos da região, Richa assinou a autorização para licitar a obra, que é uma das principais demandas da população local e receberá investimento é de R$ 32,98 milhões, com recursos do Governo do Estado.

Richa também formalizou convênios, autorizou financiamentos e anunciou novas ações do Estado para União da Vitória, Antônio Olinto, Mallet, São Mateus do Sul, Bituruna, Paula Freitas, Cruz Machado, Porto Vitória, General Carneiro, São João do Triunfo. O total de recursos liberados chega a R$ 87 milhões.

O governador ressaltou que a nova ponte atende o anseio da população de União da Vitória e que os recursos liberados são para projetos que beneficiarão os moradores dos municípios da região. “Estamos anunciando para os dez municípios quase R$ 100 milhões, além dos investimentos que, sistematicamente, têm acontecido ao longo dos últimos sete anos”, disse.

Richa enfatizou que a ponte de União da Vitória desafogará o trânsito e garantirá mais segurança para a população. “A outra ponte ficará só para os ciclistas, o que proporcionará uma mobilidade urbana muito melhor”.

Nova alternativa

A nova ponte será a segunda maior do município, que é banhado pelo Rio Iguaçu. Com 492,8 metros de extensão, a estrutura será construída entre a rua Coronel Amazonas e a avenida Paula Freitas e vai desafogar o trânsito entre o centro da cidade e o bairro de São Cristóvão. Além disso, criará uma nova alternativa para acesso a outros cinco bairros, a BR-476 e a cidade de Paula Freitas.

A execução do projeto se dará por meio de convênio entre o município de convênio de União da Vitória e o Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR). O órgão estadual fará o investimento na obra e a prefeitura dará contrapartidas em desapropriações, licenças ambientais e terraplanagem.

O secretário de Estado da Infraestrutura e Logística, José Richa Filho, explicou que a nova ponte será construída em paralelo a já existente. Terá duas faixas para veículos. A ponte de ferro ficará para uso exclusivo de pedestres e ciclistas. “O prazo para execução da obra é de um ano e meio e será fiscalizada pelo DER”, afirmou ele.

Sonho

Para o prefeito Hilton Santin Roveda, a construção da ponte realiza um sonho, pois ligará o centro da cidade ao distrito onde vivem mais de 25 mil habitantes. “Esse investimento não beneficia só um bairro, mas o município. Todos os moradores são beneficiados. A cidade se unificará como uma grande União da Vitória”, afirmou. Roveda destacou outros investimentos confirmados para União da Vitória, como as reformas do Ginásio de Esportes Isael Pastuch e do Estádio Antiocho Pereira.

Ações

Outras ações estão previstas, ou já em execução. O Governo do Estado vai municipalizar a avenida Manoel Ribas, trecho urbano BR-476, que era federal e agora é estadual. Isso atenderá ao projeto da prefeitura de torná-la urbana.

Dentro do pacote (de R$ 2,3 bilhões) para conservação de rodovias estaduais do Paraná, a região de União da Vitória terá recuperação profunda de 214 quilômetros e obras de conservação de rodovia em 300 quilômetros. O investimento soma R$ 96 milhões.

Paulo Frontin

Paulo Frontin firmou convênio, também de cerca de R$ 5 milhões, para compra de maquinários para a manutenção das estradas para escoamento da safra.  “Temos 1.300 quilômetros de estradas e 80% da economia gira em torno da agricultura. Precisamos garantir boas estradas rurais para que o município cresça”, afirmou o prefeito Sebastião Elias Neto.

Presenças

Também acompanharam o evento o chefe da Casa Civil Valdir Rossoni, presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ademar Traiano, e os deputados estaduais Hussein Bakri, Alexandre Curi e Bernardo Carli.

Texto/Foto: Agência Estadual