facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1003 - Já nas bancas!
10/11/2017

Mais de 2 mil eleitores de Rebouças e Rio Azul terão os títulos cancelados

Período de recadastramento biométrico para Rebouças e Rio Azul terminou no dia 20 de outubro. 2.600 títulos deverão ser cancelados

Mais de 2 mil eleitores de Rebouças e Rio Azul terão os títulos cancelados

O período para recadastramento obrigatório terminou no último dia 20 de outubro para os eleitores dos municípios de Rebouças e Rio Azul, que compõem a 62ª Zona Eleitoral.

Ao todo, 2.600 eleitores terão seu título cancelado, número que representa pouco mais de 11% do eleitorado da Zona. Conforme relatórios, em 3 de agosto de 2017 (quando iniciou oficialmente a revisão) o município de Rebouças contava com 12.045 eleitores, sendo que 1.544 não se apresentaram à revisão. Já o município de Rio Azul contava com 10.902 eleitores, sendo que 1.056 não se apresentaram à revisão.

O procedimento foi concluído no último dia 31 de outubro, com a sentença que determinou o cancelamento das inscrições dos eleitores que não revisaram o título. Agora, o processo segue para o Tribunal Regional Eleitoral, que deverá homologar os trabalhos nos próximos dias e promover o cancelamento dos títulos daqueles que não se apresentaram.

A relação contendo o nome de todos os eleitores que terão o título cancelado foi publicada no Fórum Eleitoral e está disponível para consulta.

Recadastramento

O procedimento, amplamente divulgado nos veículos de comunicação locais, ocorreu no período de 3 de agosto a 20 de outubro, e abrangeu a revisão de todos os eleitores inscritos nos municípios de Rio Azul e Rebouças. Por iniciativa do Cartório Eleitoral de Rebouças, o chamamento dos eleitores teve início ainda em fevereiro deste ano.

Ao todo, 21.499 atendimentos foram realizados no Fórum Eleitoral de Rebouças, sendo que mais da metade (11.581 atendimentos) ocorreram antes do período previsto, o que influenciou positivamente na qualidade de atendimento prestado aos eleitores.

"Assim que tivemos conhecimento do período de dois meses e meio para o procedimento, tomamos providências para ampliar o prazo de apresentação dos eleitores e assim garantir um melhor atendimento. Firmamos parcerias com ambas as Prefeituras e metade do trabalho foi feito antes mesmo de quando teria que começar. Iniciamos a divulgação em 20 de fevereiro e, dessa forma, os eleitores tiveram oito meses para comparecer ao cartório. Isso evitou acúmulo de eleitores e fez com que a agilidade no atendimento predominasse do início ao fim. Além disso, não há como o eleitor dizer que não teve tempo para comparecer", disse o chefe do Cartório Eleitoral de Rebouças, Marco Aurélio Canever.

Região

Na região, ainda há municípios que não finalizaram os períodos obrigatórios para recadastramento. Para os eleitores de Imbituva (que abrange também Guamiranga e Ivaí) e Prudentópolis, o prazo vai até o próximo dia 10 de novembro. Já para São Mateus do Sul (que abrange também Antonio Olinto) e Irati (que abrange também Inácio Martins) a data final para apresentação é dia 15 de dezembro.

Texto: Assessoria Cartório Eleitoral de Rebouças

Foto: Arquivo/Hoje Centro Sul