facebooktwitterinstagramgoogle+
Edição 1012 - Já nas bancas!
24/02/2017

Editorial - Mais um passo

Editorial - Mais um passo

A notícia de que o processo de licitação para a pavimentação da PR 364 que liga Irati e São Mateus do Sul está próximo animou lideranças políticas regionais no início desta semana. Todos, lideranças e população regional, esperam ansiosamente que este projeto saia de uma vez por todas do papel.

O pedido é antigo, um sonho para muitos, e a demanda é cada vez mais urgente. A pavimentação entre as duas cidades poderá fomentar a economia da região, que tem sofrido com a crise brasileira.

Os benefícios são muitos. A pavimentação será uma nova alternativa, que ligará de forma mais rápida a região Centro Sul com o restante do estado do Paraná e com Santa Catarina. Com isso, não só a escoação de produção, como a comercialização entre as regiões poderá crescer. A ligação com o litoral também poderá ajudar a fomentar ainda mais o turismo em ambos os lugares. E não são somente os paranaenses que usufruirão de uma estrada bem movimentada. Uma obra de qualidade neste trecho poderá fazer com que mais linhas de ônibus de fora do estado cruzem o trecho, diminuindo distâncias com os demais estados do Sul do país, e também fomentando o desenvolvimento local.

Mais do que apenas facilitar a passagem entre um ponto e outro, a pavimentação também pode ser uma oportunidade para Irati e São Mateus do Sulestreitarem relações e assim ajudarem em um desenvolvimento mútuo.

Entretanto, é verdade que ainda precisam algumas negociações até a abertura da licitação, prevista para acontecer em junho ou julho. Até lá, serão reuniões na esfera estadual e municipal, além de audiências públicas para apresentar o projeto. Se tudo ocorrer no prazo que está previsto, a obra poderá ser de fato a ser iniciada entre dezembro de 2017 e janeiro de 2018. E a expectativa é de que seja concluída em dois anos.

A pavimentação acontecerá por meio de um financiamento de US$ 235 milhões junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), que beneficiará vários projetos viários no estado. O trecho entre Irati e São Mateus do Sul está orçado em R$ 140 milhões e cobrirá 47,7 quilômetros.

Enquanto isso, empresas têm apostado na realização da pavimentação para que seus negócios se desenvolvam.

Mas não são somente as empresas que esperam que o projeto seja de fato executado. A população das duas cidades tem esperados por anos, ansiosas, para que a obra saia do papel. Resta agora a essa mesma população, o acompanhar próximos passos, participar das audiências públicas e a fiscalização para que a pavimentação seja executada como precisa ser.